quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Vários Links

http://divisao--50--50.blogspot.pt/ ... http://separatismo--50--50.blogspot.pt/ ... http://separatism-50-50.blogspot.com/ ... http://50-separatism-50.blogspot.pt/ ... http://tabusexo.blogspot.pt/ ... http://existeestedireito.blogspot.pt/ ... http://thesextaboo.wordpress.com/ ... http://theoriginofsextaboo.blogs.sapo.pt/ ... http://derursprungdersextabu.blogspot.pt/ ... http://concorrenciaaserio.blogspot.pt/ ... http://fimcidadaniainfantil.blogspot.pt/
... http://mensagensnanett.blogspot.pt/
*
*
*
Mais: http://montedaspicarras.blogspot.pt/ ... http://forcemergente.blogspot.pt/ ... http://acortenaaldeia.blogspot.pt/ ... http://penaeespada.blogspot.pt/ ... http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/

97 comentários:

  1. UMA BRINCADEIRA DE CRIANÇAS: A ditadura de Salazar é uma brincadeira de crianças... face àquilo que está na forja – a NWO:
    - SENHORES NEO-FEUDAIS E MERCENÁRIOS
    .
    -> Senhores Neo-Feudais em pânico... sempre que... se fala em SEPARATISMO tendo em vista a Sobrevivência de Identidades Étnicas Autóctones.
    {nota: A superclasse ('Bilderbergos', Senhores Neo-Feudais, a alta finança - capital global e suas corporações) não só pretende conduzir os países à implosão da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à implosão económica/financeira... um caos organizado por alguns... uma nova ordem a seguir ao caos... a superclasse ambiciona um neo-feudalismo}
    .
    NOTA 1: Não-nativos naturalizados estão com uma demografia imparável em relação aos nativos... e... com o desmoronamento da base sociológica que esteve na sua origem... uma Identidade não vai conseguir sobreviver.
    Ninguém acredita (bom, exceptuando os 'parvinhos-à-Sérvia' – vide Kosovo) que com a evolução demográfica em curso... Portugal (França, etc) vai conseguir sobreviver!
    .
    NOTA 2: Quando se fala em «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50«/a>... existem logo 'marionetas' a reagir... leia-se: o pessoal com um discurso anti-separatismo-50-50... como é óbvio, não é português, francês, coisíssima nenhuma... trata-se, tão somente, de MERCENÁRIOS ao serviço dos Senhores Neo-Feudais.
    .
    P.S.
    Uma NAÇÃO é uma comunidade de indivíduos de uma mesma matriz racial que partilham laços de sangue, com um património etno-cultural comum... uma PÁTRIA é a realização e autodeterminação de uma Nação num determinado espaço.

    ResponderEliminar
  2. Como os europeus estão em declíneo (é ver a evolução demográfica)... há quem pretenda transformar o homem branco no bode expiatório dos males do planeta... ficando outros... 'limpinhos'!



    -> Se os Nativos Norte-Americanos (ex: os nómadas que seguiam as manadas de bisontes) tivessem a capacidade de AUTO-DEFESA que os israelitas, perante os árabes, possuem ... não lhes tinham sido roubados os seus territórios e os seus recursos naturais... nem tinham apanhado com um Holocausto em cima... que os deixou à beira de um completo extermínio.
    .
    .
    Um Instrumento:
    - Os africanos (frequentemente) vêem o homem branco como sendo um instrumento/(idiota útil) para ocupar e dominar novos territórios: fora de África, veja-se os territórios... que são dominados por africanos.
    - Quando se fala em reservas (Estados) autóctones tendo em vista a sobrevivência de Identidades Nativas (na Europa ou em outro sítio qualquer: Austrália, Américas...) os africanos (frequentemente, com a sua ambição de dominar mais e mais territórios) adoptam uma postura nazi: busca de pretextos para negar o Direito à Sobrevivência de outros...
    {Nota: o que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim... a busca de pretextos (adoram evocar/inventar pretextos) com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros}
    .
    .
    -> Anda por aí muito pessoal numa corrida demográfica pelo controlo de mais e mais territórios... exemplo: veja-se o discurso da INQUISIÇÃO MESTIÇA -> uma coisa são os 'globalization-lovers' gostarem de o ser... outra coisa, é o comportamento nazi de alguns deles - «globalization-lovers mafiosos» (ex: a Inquisição Mestiça): andam por aí numa busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, de Identidades Étnicas Autóctones.
    .
    .
    Não há pachorra para andar a aturar os «embrulhos» que pretendem fazer do homem branco o bode expiatório dos males do planeta.
    --->>> Os 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) que fiquem na sua... pelo Direito à Sobrevivência de Identidades Étnicas Autóctones: «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    .
    .
    P.S.
    Ninguém acredita (bom, exceptuando os 'parvinhos-à-Sérvia') que com a evolução demográfica em curso«a href="http://tabusexo.blogspot.com/">........«/a> Portugal irá conseguir sobreviver!
    Nota: Com o desmoronamento da base sociológica que esteve na sua origem... uma Identidade não vai conseguir sobreviver!...
    {OBS: Uma NAÇÃO é uma comunidade de indivíduos de uma mesma matriz racial que partilham laços de sangue, com um património etno-cultural comum... uma PÁTRIA é a realização e autodeterminação de uma Nação num determinado espaço.}

    ResponderEliminar
  3. «a href="http://www.syti.net/ES/Organisations.html">'Bilderbergos'«/a>

    5:18 PM


    «...deixa de ser rídiculo pvnam...»


    ahahahahahah

    -> Querem comer-nos por parvos!?!?!?

    -> Em várias conversas pessoais sobre nativos... os anti-racistas - INVARIAVELMENTE - adoptaram o mesmo discurso: "em Portugal existe muita mistura... com judeus, com mouros, com africanos... logo {segundo esse pessoal espertalhão} seria «IRRACIONAL» falar em Portugal como sendo um território de nativos europeus".

    NOTA 1: O que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim... a busca de pretextos (adoram evocar/inventar pretextos) com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, de Identidades Étnicas Autóctones.

    NOTA 2: A luta pela sobrevivência é, sempre foi, e continuará a ser, uma coisa difícil e complicada... as Identidades Étnicas Autóctones só têm uma coisa a fazer: lutar pela sobrevivência... consequentemente... contrariando aquilo que os espertalhões da Inquisição Mestiça pretendem... não devemos ser Fundamentalistas... assim sendo, devem ser considerados NATIVOS todas as pessoas com, pelo menos, x % de GENES TÍPICOS NATIVOS... (nota: todos os povos nativos possuem os SEUS 'genes típicos nativos'... e o x % deverá ser definido por uma comissão científica).
    OBS: Os Povos Nativos são a forma como o Ser Humano evoluiu nas mais variadas regiões do Planeta... isto é: os Nativos possuem características físicas... GENES TÍPICOS NATIVOS ... que são a forma como a espécie humana evoluiu... nas mais variadas regiões do Planeta.

    3:09 AM

    -> Conversa de INGÉNUO ou de MARIONETA (ao serviço de lobbys): é difundir/propagandear o conceito de «em>"político/governante"«/em>... ou seja, alguém dotado de um 'cheque em branco' passado pelos cidadãos.
    -> Pelo contrário, os cidadãos devem, isso sim, é implementar um outro conceito... o conceito «em>"político/gestor-público"«/em>... ou seja, alguém que faz uma gestão transparente para/perante cidadãos atentos... leia-se, ««a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">fim-da-cidadania-infantil«/a>».
    {Por exemplo, veja-se o 'trabalhinho' do lobby dos banqueiros - com políticos [político/governante] dotados de 'carta branca' (leia-se, cidadãos de mãos atadas), o contribuinte foi transformado no 'depósito do lixo' dos banqueiros:
    - «a href="http://economico.sapo.pt/noticias/nacionalizar-o-bpn-vai-custar-2-mil-milhoes-de-euros_108505.html">nacionalização do negócio madoffiano BPN«/a>;
    - «a href="http://sicnoticias.sapo.pt/economia/2012/09/29/fundos-de-pensoes-dos-bancarios-agravam-contas-da-seguranca-social">nacionalização de fundos de pensões em pré-falência«/a>;
    - «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/empresas/detalhe/estado_vai_estar_presente_na_administraccedilatildeo_do_bcp_e_no_conselho_fiscal_do_bpi_correcccedilatildeo.html">entrada do Estado em bancos à beira da falência«/a>.
    Pelo contrário, o conceito de "político/gestor-público"... permitiria ao contribuinte defender-se!}

    8:48 PM


    ResponderEliminar
  4. «em>«...nosso país a ser governado por...»«/em>

    -> Conversa de INGÉNUO ou de MARIONETA...
    -> De facto: o conceito de «governante» pressupõe um sistema MUITO PERMEÁVEL a lobbys... e aquilo que importa mesmo... é um sistema MENOS PERMEÁVEL a lobbys...
    .
    -> Por um sistema MENOS PERMEÁVEL a lobbys: temos de pensar, não em políticos «governantes», mas sim, em políticos «gestores públicos» que fazem uma «strong>gestão transparente«/strong> perante cidadãos atentos: blog ««a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">fim-da-cidadania-infantil«/a>».

    *

    Esta história... reforça aquilo que eu tenho vindo a dizer:
    - O conceito de «governante» pressupõe um sistema MUITO PERMEÁVEL a lobbys... e aquilo que importa mesmo... é um sistema MENOS PERMEÁVEL a lobbys...
    .
    -> Por um sistema MENOS PERMEÁVEL a lobbys: temos de pensar, não em políticos «governantes», mas sim, em políticos «gestores públicos» que fazem uma «strong>gestão transparente«/strong> perante cidadãos atentos: blog ««a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">fim-da-cidadania-infantil«/a>».
    8:50 PM




    ResponderEliminar

  5. SOBREVIVÊNCIA
    .
    .
    -> Apanha-se mais depressa um NAZI do que um coxo!
    {Obs: Nazismo não é ser alto e louro.. é sim... a busca sistemática de pretextos para negar o Direito à sobrevivência de outros}
    .
    Todos diferentes!!! todos iguais!!!
    -> Isto é, TODOS os Povos Nativos do Planeta Terra:
    - inclusive os de 'baixo rendimento demográfico' (reprodutivo)!...
    - inclusive os economicamente pouco rentáveis!...
    devem possuir o Direito de ter o SEU espaço no Planeta!!!
    .
    -> É preciso dizer NÃO à Democracia-Nazi!...
    -> Leia-se: a Democracia aonde os 'democracy-sprinters' [leia-se, aquele pessoal que anda numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios; ex: africanos, muçulmanos, etc (obs: existe pessoal excepção à regra)] pretendem... determinar/negar democraticamente o Direito à sobrevivência de outros...
    .
    -> O problema não é os 'globalization-lovers' gostarem de o ser... mas sim... o comportamento nazi de alguns deles: os 'globalization-lovers' mafiosos.
    -> Os 'globalization-lovers' mafiosos... ora falam em Diversidade... ora adoptam o discurso de que existe muita mistura [um ex: dizem que em Portugal existe muita mistura... com judeus, com mouros, com africanos]... logo (segundo esse pessoal espertalhão) será «IRRACIONAL» falar em sobrevivência de Identidades Autóctones.
    .
    Contrariando aquilo que os espertalhões da Inquisição Mestiça pretendem... não devemos ser Fundamentalistas... assim sendo, devem ser considerados NATIVOS todas as pessoas com, pelo menos, x % de GENES TÍPICOS NATIVOS... (nota: todos os povos nativos possuem os seus 'genes típicos nativos'... e o x % deverá ser definido por uma comissão científica).
    Obs: Os Povos Nativos são a forma como o Ser Humano evoluiu nas mais variadas regiões do Planeta... isto é: os Nativos possuem características físicas... GENES TÍPICOS NATIVOS ... que são a forma como a espécie humana evoluiu... nas mais variadas regiões do Planeta.}
    .
    -> Anda por aí muita conversa para 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) por motivos óbvios: com a evolução demográfica em curso«a href="http://tabusexo.blogspot.com/">........«/a> Portugal, França, etc não irão conseguir sobreviver!
    -> De facto, com o desmoronamento da base sociológica que esteve na sua origem [nota: não-nativos naturalizados estão com uma demografia imparável]... uma Identidade não vai conseguir sobreviver!
    .
    RESUMINDO: antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de europeus que possui disponibilidade emocional para se envolver num projecto de luta pela sobrevivência... e «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO!«/a>...


    *

    -> O PNR (também) não apresenta uma ESTRATÉGIA DE SOBREVIVÊNCIA para Portugal!
    -> O PNR é mais um... a apresentar conversas para 'parvinhos-à-Sérvia'!
    .
    -> Anda por aí muita conversa para 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) por motivos óbvios: ...

    *

    «.........»
    .
    -> Enfim... conversa para 'parvinhos-à-Sérvia'!
    .
    -> Anda por aí muita conversa para 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) por motivos óbvios: ...
    2:10 AM

    ResponderEliminar
  6. «strong>Não brinquem com isto«/strong>: A luta pela sobrevivência é uma coisa difícil e complicada!...
    .
    Não sejam OTÁRIOS e cúmplices... «strong>'cortem' com a bandalheira«/strong>:
    - A bandalheira liquida tudo e mais alguma coisa – ‘n’ civilizações já desapareceram!…
    - Há que 'cortar' com os bandalhos que vendem tudo e mais alguma coisa: energia aos chineses, cimentos aos brasileiros, comunicação social aos angolanos, etc...
    - Há que 'cortar' com os bandalhos que não se preocupam em construir uma sociedade sustentável (média de 2.1 filhos por mulher)... que criticam a repressão dos Direitos das mulheres… e em simultâneo, para cúmulo (!!!),… defendem que se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica proveniente de determinados países [aonde essa 'boa produção' foi proporcionada precisamente pela «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">repressão dos Direitos das mulheres«/a>]… para resolver o deficit demográfico na Europa(!);
    - etc
    .
    -> A NAÇÃO está a ser desmantelada... e já há quem esteja a posicionar-se: «a href="http://www.noticiasaominuto.com/pais/28544/n%C3%BAmero-dois-dos-servi%C3%A7os-secretos-de-malas-aviadas-para-a-china#.UNG2XawkXlR">José Luciano Correia de Oliveira número dois do SIS foi contratado pelas autoridades chinesas«/a> - o 'protectorado' é estratégico para os chineses... Angola fará o mesmo...
    {OBS: Uma Nação é uma comunidade de indivíduos de uma mesma matriz racial que partilham laços de sangue, com um património etno-cultural comum... uma Pátria é a realização e autodeterminação de uma Nação num determinado espaço.}
    .
    -> Quem só vê um palmo à frente do nariz... anda por aí, de década em década, numa alegre decadência 'kosovariana'.
    --->>> Não vamos ser uns 'parvinhos-à-Sérvia'... antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela «strong>minoria«/strong> de europeus que possui disponibilidade emocional (e coragem) para se envolver num projecto de luta pela sobrevivência... e «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>...
    .
    .
    Anexo:
    Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos (adoram evocar/inventar pretextos) com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    Os nazis-económicos ["vale tudo no sentido de promover o crescimento económico"] não ficam nada atrás dos nazis-hitlerianos: muitos povos autóctones, considerados economicamente pouco rentáveis, foram já completamente exterminados: veja-se, por exemplo, aquilo que foi feito aos povos nómadas americanos que acompanhavam as migrações dos bisontes.
    {uma curiosidade: existe pessoal que pretende transformar num assunto TABU o «strong>extermínio«/strong> de Identidades Autóctones - em França não são permitidas as estatísticas de conteúdo étnico}
    A superclasse (alta finança internacional - capital global, e suas corporações), com os seus mercenários/marionetas, pretende conduzir os países à IMPLOSÃO da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)...
    .
    .
    P.S.
    É um facto incontornável: existem ciclos económicos... e, como é óbvio,... muito muito mais importante do que esta ou aquela crise económica... temos o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA!!!
    5:07 PM

    ResponderEliminar

  7. -> Venda da energia aos chineses, dos cimentos aos brasileiros, da comunicação social aos angolanos, etc...
    -> E mais, substituição populacional de autóctones: pessoal que não se preocupa em construir uma sociedade sustentável (média de 2.1 filhos por mulher)... e que critica a repressão dos Direitos das mulheres… em simultâneo, para cúmulo (!!!),… defende que... se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica proveniente de determinados países ['boa produção' essa... que foi proporcionada precisamente pela «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">repressão dos Direitos das mulheres«/a>]… para resolver o deficit demográfico na Europa(!);
    .
    -> A NAÇÃO está a ser desmantelada... e já há quem esteja a posicionar-se: «a href="http://www.noticiasaominuto.com/pais/28544/n%C3%BAmero-dois-dos-servi%C3%A7os-secretos-de-malas-aviadas-para-a-china#.UNG2XawkXlR">José Luciano Correia de Oliveira número dois do SIS foi contratado pelas autoridades chinesas«/a> - o 'protectorado' é estratégico para os chineses... Angola fará o mesmo...
    .
    -> Quem só vê um palmo à frente do nariz... anda por aí, de década em década, numa alegre decadência 'kosovariana'.
    --->>> Não vamos ser uns 'parvinhos-à-Sérvia'... antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela «strong>minoria«/strong> de europeus que possui disponibilidade emocional (e coragem) para se envolver num projecto de luta pela sobrevivência... e «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>...
    {OBS: Uma NAÇÃO é uma comunidade de indivíduos de uma mesma matriz racial que partilham laços de sangue, com um património etno-cultural comum... uma PÁTRIA é a realização e autodeterminação de uma Nação num determinado espaço.}
    .
    .
    Anexo:
    Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos (adoram evocar/inventar pretextos) com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    Os nazis-económicos ["vale tudo no sentido de promover o crescimento económico"] não ficam mesmo nada atrás dos nazis-hitlerianos: muitos povos autóctones, considerados economicamente pouco rentáveis, foram já completamente exterminados: veja-se, por exemplo, aquilo que foi feito aos povos nómadas americanos que acompanhavam as migrações dos bisontes.
    {uma curiosidade: existe pessoal que pretende transformar num assunto TABU o extermínio de Identidades Autóctones - em França não são permitidas as estatísticas de conteúdo étnico}
    A superclasse (alta finança internacional - capital global, e suas corporações), com os seus mercenários/marionetas, pretende conduzir os países à IMPLOSÃO da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)...
    .
    .
    .
    «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>...
    9:34 PM

    ResponderEliminar
  8. MEGA-BURLÕES:
    - mega-burlões que controlam a comunicação social... procuram 'mil' vozes... com o objectivo de repetir mil vezes uma mentira... até ela se tornar uma "verdade".
    [nota: mega-burlões descuidaram-se: uma das suas mil vozes foi apanhada - o burlão «a href="http://malomil.blogspot.pt/2012/12/meditacao-sobre-baptista-da-silva.html">Artur Baptista da Silva«/a>]
    ---> Montes de estudos sobre 'maravilhosas' privatizações de empresas estratégicas (ex: GALP... resultado: consumidor a ser roubado a torto e a direito)... montes de estudos sobre o BPN, SCUTs, OTAs, TGVs e afins... tudo com o mesmo objectivo: «strong>SACAR DINHEIRO AO CONTRIBUINTE! «/strong>
    .
    .
    .
    Anexo:
    -->> ‘Vira o disco e toca o mesmo’ - vulgo eleições antecipadas atrás de eleições eleições antecipadas - não é solução!...
    .
    ---> Ponto nº 1: O DIREITO AO VETO DE QUEM PAGA
    Votar sim!
    … mas…
    Votar não é passar um cheque em branco!!!
    Leia-se, O CONTRIBUINTE TEM DE DEFENDER-SE: o cidadão não pode ficar à mercê de pessoal que vende empresas estratégicas para a soberania, que nacionaliza negócios “madoffianos” (ex: BPN), etc.
    -> Democracia verdadeira, já! -> leia-se, DIREITO AO VETO de quem paga (vulgo contribuinte).
    [veja-se o blog "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">fim-da-cidadania-infantil«/a>"]
    .
    ---> Ponto nº 2: EM VEZ DE PROPOSTAS DE AUMENTOS... PROPOSTAS DE ORÇAMENTOS
    Explicando melhor, quem apresentar propostas que mexam (aumento da despesa) no orçamento de Estado... terá que avaliar os custos das mesmas... e terá de dizer quem é que as irá pagar: aumento do deficit... ou cortes em determinadas áreas (nota: terão que dizer quais!)... ou mais impostos.
    Leia-se:
    - sociedade não pode fazer cedências ao Terrorismo_CGTP -> face a uma entidade pagadora em deficit (leia-se Estado), o Terrorista_CGTP apresentava propostas de aumentos - e não - propostas de orçamentos... leia-se, queria mais dinheiro não importa vindo de onde... leia-se, jubilava quando os aumentos vinham... e... varria para debaixo do tapete o facto da entidade pagadora ter necessidade de pedir dinheiro emprestado a (perigosos) especuladores, e necessidade de vender activos...
    4:18 PM

    ResponderEliminar

  9. «strong>PRECISAMOS DE TODOS«/strong>
    -> Não precisamos de lamentações sistemáticas... precisamos é de bons mecanismos de controlo... e precisamos que todos os contribuintes estejam atentos.
    .
    Explicando melhor:
    - Anda por aí muita CONVERSA DE CONTRIBUINTE PAROLO que ainda não aprendeu com séculos e séculos de história: o conceito de «político governante» pressupõe um sistema muito permeável a lobbys... e aquilo que importa mesmo... é um sistema menos permeável a lobbys...
    .
    -> Por um sistema menos permeável a lobbys... temos de pensar, não em «em>«políticos governantes»«/em>... mas sim... em «em>«políticos gestores públicos»«/em> que fazem uma «strong>gestão transparente«/strong> para/perante cidadãos atentos... leia-se temos de pensar em bons mecanismos de controlo... um exemplo: blog "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">fim-da-cidadania-infantil«/a>".
    .
    .
    .
    Uma Obs:
    -> Montes de estudos sobre 'maravilhosas' privatizações de empresas estratégicas (ex: GALP... resultado: consumidor a ser roubado a torto e a direito)... montes de estudos sobre o BPN, SCUTs, OTAs, TGVs e afins... tudo com o mesmo objectivo: «strong>SACAR DINHEIRO AO CONTRIBUINTE! «/strong>
    .
    MEGA-BURLÕES:
    - mega-burlões que controlam a comunicação social... procuram 'mil' vozes... com o objectivo de repetir mil vezes uma mentira... até ela se tornar uma "verdade".
    [nota: mega-burlões descuidaram-se: uma das suas mil vozes foi apanhada - o burlão «a href="http://malomil.blogspot.pt/2012/12/meditacao-sobre-baptista-da-silva.html">Artur Baptista da Silva«/a>]
    4:21 PM

    ResponderEliminar

  10. -> Montes de estudos sobre 'maravilhosas' privatizações de empresas estratégicas (veja-se a GALP... resultado: consumidor a ser roubado a torto e a direito), etc... montes de estudos sobre o BPN, SCUTs, OTAs, TGVs e afins... tudo com o mesmo objectivo: «strong>SACAR DINHEIRO AO CONTRIBUINTE! «/strong>
    .
    Veja-se o 'trabalhinho' do lobby dos banqueiros - com políticos [«político governante»] dotados de 'carta branca' (leia-se, cidadãos de mãos atadas), o contribuinte foi transformado no 'depósito do lixo' dos banqueiros:
    - «a href="http://economico.sapo.pt/noticias/nacionalizar-o-bpn-vai-custar-2-mil-milhoes-de-euros_108505.html">nacionalização do negócio madoffiano BPN«/a>;
    - «a href="http://sicnoticias.sapo.pt/economia/2012/09/29/fundos-de-pensoes-dos-bancarios-agravam-contas-da-seguranca-social">nacionalização de fundos de pensões em pré-falência«/a>;
    - «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/empresas/detalhe/estado_vai_estar_presente_na_administraccedilatildeo_do_bcp_e_no_conselho_fiscal_do_bpi_correcccedilatildeo.html">entrada do Estado em bancos à beira da falência«/a>.
    .
    .
    .
    Anexo:
    «strong>PRECISAMOS DE TODOS«/strong>
    -> Não precisamos de lamentações sistemáticas... precisamos é de bons mecanismos de controlo... e precisamos que todos os contribuintes estejam atentos.
    .
    Explicando melhor:
    - Anda por aí muita CONVERSA DE CONTRIBUINTE PAROLO que ainda não aprendeu com séculos e séculos de história: o conceito de «político governante» pressupõe um sistema muito permeável a lobbys... e aquilo que importa mesmo... é um sistema menos permeável a lobbys...
    .
    -> Por um sistema menos permeável a lobbys... temos de pensar, não em «em>«políticos governantes»«/em>... mas sim... em «em>«políticos gestores públicos»«/em> que fazem uma «strong>gestão transparente«/strong> para/perante cidadãos atentos... leia-se, temos de pensar em bons mecanismos de controlo... um exemplo: blog "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">fim-da-cidadania-infantil«/a>".
    7:08 PM

    ResponderEliminar

  11. Está montado um esquema mafioso:
    - SAQUEAR OS CONTRIBUINTES PARA DAR A AGIOTAS.
    .
    -> Os contribuintes são saqueados [e são feitos cortes no Estado Social]... para... pagar juros a agiotas!
    .
    -> Pagar juros a agiotas (PPP´s e não só...), nacionalização de negócios 'maddofianos', etc... quais «Greves Gerais» qual carapuça... o Contribuinte tem é que reivindicar «strong>MECANISMOS PARA AUTO-DEFESA!«/strong>
    .
    .
    Exemplo 1: Blog ««a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">fim-da-cidadania-infantil«/a>» - Direito ao veto de quem paga, vulgo contribuinte.
    .
    Exemplo 2: PRECISA-SE de governantes que possuam a capacidade de governar... sem... saquear os contribuintes! -> eles devem assumir este compromisso... assim sendo: emissão de dívida pública... só mediante... uma autorização obtida por meio de um REFERENDO!
    .
    Exemplo 3: A Islândia conseguiu colocar um travão nos Credores-esmifradores:
    - «a href="http://insustentavelbelezadosseres.blogspot.pt/2012/09/islandia-revolucao-silenciada-mas.html">Islândia: a revolução censurada pelos Media, mas vitoriosa!«/a>
    -> Consultar o know-how islandês poderá ser muito útil para «a href="http://anticolonial21.blogspot.pt/2012/10/a-democracia-da-islandia-e-censurada-no.html">colocar um travão«/a> no esquema mafioso: «saquear os contribuintes para dar a agiotas».
    .
    .
    Anexo 1:
    -> Taxar os investidores... vai prejudicar o crescimento da economia...
    -> Taxar os consumidores (em particular, os trabalhadores por conta de outrem)... vai provocar uma diminuição no consumo... logo também... vai prejudicar o crescimento da economia...
    .
    -> Face à existência duma dívida para pagar... deve-se 'EQUILIBRAR A COISA':
    - taxar consumidores...
    - e também taxar investidores: um exemplo, uma taxa sobre transacções financeiras em bolsa (vulgo Taxa Tobin).
    .
    .
    Anexo 2:
    «strong>PRECISAMOS DE TODOS«/strong>
    -> Não precisamos de lamentações sistemáticas... precisamos é de bons mecanismos de controlo... e precisamos que todos os contribuintes estejam atentos.
    .
    Explicando melhor:
    - Anda por aí muita CONVERSA DE CONTRIBUINTE PAROLO... que ainda não aprendeu com séculos e séculos de história: o conceito de «político governante» pressupõe um sistema muito permeável a lobbys... e aquilo que importa mesmo... é um sistema menos permeável a lobbys...
    .
    -> Por um sistema menos permeável a lobbys... temos de pensar, não em «em>«políticos governantes»«/em>... mas sim... em «em>«políticos gestores públicos»«/em> que fazem uma «strong>gestão transparente«/strong> para/perante cidadãos atentos... leia-se, temos de pensar em bons mecanismos de controlo...
    12:18 AM

    ResponderEliminar

  12. É FAVOR NÃO ESQUECER: é um facto incontornável a existência de ciclos económicos... todavia, como é óbvio,... muito muito mais importante do que esta ou aquela crise económica... temos o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA!!!
    .
    A luta pela sobrevivência envolve:
    -1- capacidade de renovação demográfica;
    -2- capacidade de auto-defesa perante aquele pessoal que anda numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    .
    .
    Leia-se:
    -1- Há que cortar com aquele pessoal que não se preocupa em construir uma sociedade sustentável (média de 2.1 filhos por mulher)... que critica a repressão dos Direitos das mulheres… e em simultâneo, para cúmulo (!!!),… defende que se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica proveniente de determinados países [aonde essa 'boa produção' foi proporcionada precisamente pela «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">repressão dos Direitos das mulheres«/a>]… para resolver o deficit demográfico na Europa(!).
    -2- Quem só vê um palmo à frente do nariz... anda por aí, de década em década, numa alegre decadência 'kosovariana'.
    Não vamos ser uns 'parvinhos-à-Sérvia'... antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela «strong>minoria«/strong> de europeus que possui disponibilidade emocional (e coragem) para se envolver num projecto de luta pela sobrevivência... e «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>...
    .
    .
    Anexo:
    A NAÇÃO está a ser desmantelada... e já há quem esteja a posicionar-se: «a href="http://www.noticiasaominuto.com/pais/28544/n%C3%BAmero-dois-dos-servi%C3%A7os-secretos-de-malas-aviadas-para-a-china#.UNG2XawkXlR">José Luciano Correia de Oliveira número dois do SIS foi contratado pelas autoridades chinesas«/a> - o 'protectorado' é estratégico para os chineses... Angola fará o mesmo...
    1:16 AM

    ResponderEliminar

  13. LUTA PELA SOBREVIVÊNCIA
    -> É favor não esquecer: é um facto incontornável a existência de ciclos económicos... todavia, como é óbvio,... muito muito mais importante do que esta ou aquela crise económica... temos o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA!!!
    .
    A luta pela sobrevivência envolve:
    -1- capacidade de renovação demográfica;
    -2- capacidade de auto-defesa perante aquele pessoal que anda numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    .
    .
    .
    Anexo:
    RÉDEA CURTA
    - Todos os gastos do Estado (despesas públicas superiores a - por exemplo - 1 milhão de euros) que não sejam considerados de «Prioridade Absoluta» [nota: a definir...] devem estar disponíveis para ser vetados durante 96 horas pelos contribuintes.

    {nota: a forma de vetar... deverá ser através da internet no "Portal dos Referendos" (portal que deverá vir a ser criado)-> aonde qualquer português com número de contribuinte, e maior de idade, poderá entrar e participar}

    Para vetar [ou reactivar] um gasto do Estado deverão ser necessários 100 mil votos [ou múltiplos: 200 mil, 300 mil, etc] de contribuintes.

    Resumindo: os políticos devem mantidos com a rédea curta... assim sendo, «strong>PRECISAMOS QUE TODOS os contribuintes«/strong> estejam atentos aos gastos de dinheiro feitos dos políticos; leia-se, todos os contribuintes devem estar atentos ao "Portal dos Referendos".

    {um ex: a transferência de dinheiro do contribuinte para a... «a href="http://economico.sapo.pt/noticias/nacionalizar-o-bpn-vai-custar-2-mil-milhoes-de-euros_108505.html">nacionalização do negócio 'madoffiano' BPN«/a> nunca se realizaria: seria vetada pelo contribuinte!}
    7:30 PM

    ResponderEliminar

  14. «strong>PRECISAMOS DE TODOS«/strong>
    -> Não precisamos de lamentações sistemáticas... precisamos é de bons mecanismos de controlo... e precisamos que todos os contribuintes estejam atentos.
    .
    .
    Nota:
    RÉDEA CURTA
    - Todos os gastos do Estado (despesas públicas superiores a - por exemplo - 1 milhão de euros) que não sejam considerados de «Prioridade Absoluta» [nota: a definir...] devem estar disponíveis para ser vetados durante 96 horas pelos contribuintes.

    {nota: a forma de vetar... deverá ser através da internet no "Portal dos Referendos" (portal que deverá vir a ser criado)-> aonde qualquer português com número de contribuinte, e maior de idade, poderá entrar e participar}

    Para vetar [ou reactivar] um gasto do Estado deverão ser necessários 100 mil votos [ou múltiplos: 200 mil, 300 mil, etc] de contribuintes.

    Resumindo: os políticos devem ser mantidos com a rédea curta... assim sendo, «strong>PRECISAMOS QUE TODOS os contribuintes«/strong> estejam atentos aos gastos de dinheiro feitos dos políticos; leia-se, todos os contribuintes devem estar atentos ao "Portal dos Referendos".

    {um ex: a transferência de dinheiro do contribuinte para a... «a href="http://economico.sapo.pt/noticias/nacionalizar-o-bpn-vai-custar-2-mil-milhoes-de-euros_108505.html">nacionalização do negócio 'madoffiano' BPN«/a> nunca se realizaria: seria vetada pelo contribuinte!}
    .
    .
    P.S.
    O «LAMENTAÇÕES MAFIOSO»
    -> Existe o «Lamentações Parolo»... e existe o «Lamentações Mafioso» - as lamentações deste não visam o mudar do sistema... leia-se, apenas visam 'mudar as moscas' ficando o sistema inalterável: um sistema muito permeável a lobbys... leia-se, um sistema muito permeável ao lobby dos políticos e a muitos outros (um exemplo: o lobby dos banqueiros).
    8:04 PM

    .
    .
    Mais um P.S.
    -> O «fim-da-cidadania-infantil» NÃO É democracia directa... é tão somente (o já não é nada pouco!)... um maior controlo da despesa!
    [nota: vai significar uma melhor gestão dos recursos disponíveis... vai significar um sistema menos permeável a lobbys... e vai também prevenir/evitar mais aumentos de impostos no futuro]
    -> Os contribuintes devem ser motivados a fazerem 'login' no "Portal dos Referendos"... e a fazerem um bom uso do seu plafond de ter Direito a 15 vetos mensais [que poderão acumular (até ao valor máximo de 30 vetos) para o mês seguinte].
    2:18 AM

    ResponderEliminar

  15. BANDALHOS: não se preocupam em construir uma sociedade sustentável (média de 2.1 filhos por mulher)... criticam a repressão dos Direitos das mulheres… e em simultâneo, para cúmulo (!!!),… defendem que se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica proveniente de determinados países [aonde essa 'boa produção' foi proporcionada precisamente pela «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">repressão dos Direitos das mulheres«/a> - tratadas como uns 'úteros ambulantes']… para resolver o deficit demográfico na Europa(!).
    .
    DIREITOS DAS CRIANÇAS: quando se fala em Direitos das crianças, há que olhar também para o seguinte: muitas crianças hão-de querer ter a oportunidade de vir a ser pais!
    Dito de outra maneira: não está em causa ter (ou não ter) acesso a 'isto ou aquilo'... mas sim, o facto da sociedade não poder estar a IMPOR BLOQUEIOS EMOCIONAIS: leia-se, ao não legalizar as famílias monoparentais (a masculina em particular) a sociedade está a fazer com que uma faixa (de certa forma significativa) da população masculina não tenha filhos.
    .
    .
    UMA QUESTÃO A LEVANTAR:
    - «strong>O Direito de ter filhos em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas!«/strong>
    .
    Ainda há parolos que acreditam em histórias da carochinha... mas há que assumir a realidade:
    - Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas apenas os «strong>machos mais fortes«/strong> é que possuem filhos.
    - No entanto, para conseguirem sobreviver, muitas sociedades tiveram necessidade de mobilizar/motivar os «strong>machos mais fracos«/strong> no sentido de eles se interessarem/lutarem pela preservação da sua Identidade!... De facto, analisando o Tabú-Sexo (nas Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas) chegamos à conclusão de que o verdadeiro objectivo do Tabú-Sexo era proceder à integração social dos machos sexualmente mais fracos; Ver «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">http://tabusexo.blogspot.com/«/a>.
    .
    Concluindo:
    - Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas é natural que sejam apenas os machos mais fortes a terem filhos,no entanto , as Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas têm de «strong>assumir a sua História«/strong>: não podem continuar a tratar os machos sexualmente mais fracos como sendo o caixote do lixo da sociedade!... Assim sendo, nestas sociedades, numa primeira fase, deve ser possibilitada a existência de barrigas de aluguer {úteros artificiais – deve ser considerado uma Investigação Cientifica Prioritária!…} para que, nestas sociedades {a longo prazo} os machos (de boa saúde) rejeitados pelas fêmeas, possam ter filhos!
    .
    Nota 1: Incompetência sexual não significa inutilidade... de facto, os machos mais fracos já mostraram o seu valor: as sociedades tecnologicamente mais evoluídas... são sociedades tradicionalmente monogâmicas!
    .
    Nota 2: Hoje em dia, por um lado, muitas mulheres vão à procura de machos de maior competência sexual, nomeadamente, machos oriundos de sociedades tradicionalmente Poligâmicas: nestas sociedades apenas os machos mais fortes é que possuem filhos, logo, seleccionam e apuram a qualidade dos machos.
    Por outro lado, hoje em dia muitos machos das sociedades tradicionalmente Monogâmicas vão à procura de fêmeas Economicamente Fragilizadas [mais dóceis] oriundas de outras sociedades...
    10:57 PM

    ResponderEliminar

  16. A Luta pela Sobrevivência envolve:
    -1- capacidade de renovação demográfica;
    -2- capacidade de auto-defesa face àqueles que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    .
    A Luta pela Sobrevivência é uma coisa difícil e complicada: 'n' civilizações já desapareceram!
    .
    Lobos a quererem armar-se em cordeiros -> quem, de facto, está a caminho do extermínio são os nativos europeus... todavia, no entanto... não-nativos instalados na Europa - ao mesmo tempo que se armam em vítimas - procuram pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, das Identidades Étnicas Autóctones. Concluindo e resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    Uma observação: o governo francês deveria ser julgado num tribunal internacional por COLABORACIONISMO-NAZI: de facto, em França são proibidas as estatísticas de cariz étnico... leia-se, para o governo francês, o caminho para a extinção de Identidade Autóctones (exemplo: os nativos europeus) deve ser considerado um ASSUNTO TABU.
    .
    .
    Nota 1:
    -> Não há tempo a perder com badalhocos que não se preocupam em construir uma sociedade sustentável (média de 2.1 filhos por mulher)... criticam a repressão dos Direitos das mulheres… e em simultâneo (!?!?!)… defendem que se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica proveniente de determinados países [aonde essa 'boa produção' foi proporcionada precisamente pela «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">repressão dos Direitos das mulheres«/a> - tratadas como uns 'úteros ambulantes']… para resolver o deficit demográfico na Europa!
    .
    Nota 2:
    -> O que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    -> Pode-se ver quem anda por aí a efectuar uma sistemática busca de pretextos: o Nazismo Mafioso (um exemplo: a Inquisição Mestiça) repudia Hitler... mas, simultaneamente, o seu comportamento é hitleriano: andam por aí numa busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, das Identidades Étnicas Autóctones.
    .
    Nota 3:
    -> Uma NAÇÃO é uma comunidade de indivíduos de uma mesma matriz racial que partilham laços de sangue, com um património etno-cultural comum.
    -> Uma PÁTRIA é a realização e autodeterminação de uma Nação num determinado espaço.
    -> Ora, existindo não-nativos JÁ NATURALIZADOS com uma demografia imparável em relação aos nativos... como seria de esperar, abunda por aí muita conversa para 'parvinhos-à-Sérvia'.
    2:55 AM

    -->> No passado (vide Poitiers), e no presente, os islâmicos (e não só) ambicionam ocupar e dominar novos territórios.
    -->> No passado tivémos que nos defender... e no presente (e no futuro) vamos ter que fazer o mesmo!
    3:18 AM

    ResponderEliminar

  17. Lobos a quererem armar-se em cordeiros -> quem, de facto, está a caminho do extermínio são os nativos europeus... todavia, no entanto... não-nativos instalados na Europa - ao mesmo tempo que se armam em vítimas - tem um comportamento NAZI: procuram pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, das Identidades Étnicas Autóctones. Concluindo e resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... SEPARATISMO-50-50!
    Uma observação: o governo francês (marioneta da superclasse) deveria ser julgado num tribunal internacional por COLABORACIONISMO-NAZI: de facto, em França são proibidas as estatísticas de cariz étnico... leia-se, para o governo francês, o caminho para a extinção de Identidades Autóctones (exemplo: os nativos europeus) deve ser considerado um ASSUNTO TABU.





    Nota 4:
    -> A superclasse (alta finança internacional - capital global) não só pretende conduzir os países à IMPLOSÃO da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à IMPLOSÃO económica/financeira.
    -> A superclasse é anti-povos que pretendem sobreviver pacatamente no planeta...
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse ambiciona um Neofeudalismo, uma Nova Ordem a seguir ao caos...
    10:52 AM


    são mais uns a terem um comportamento MAFIOSO-NAZI: procuram pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, das Identidades Étnicas Autóctones.
    11:04 AM

    ResponderEliminar

  18. -->> No passado (vide Poitiers), e no presente, os islâmicos (e não só) ambicionam ocupar e dominar novos territórios.
    -->> No passado tivémos que nos defender... e no presente (e no futuro) vamos ter que fazer o mesmo!
    .
    A Luta pela Sobrevivência envolve:
    -1- capacidade de renovação demográfica;
    -2- capacidade de auto-defesa face àqueles que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    .
    A Luta pela Sobrevivência é uma coisa difícil e complicada: 'n' civilizações já desapareceram!
    .
    Concluindo e resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... SEPARATISMO-50-50!
    1:50 PM


    A Luta pela Sobrevivência é uma coisa difícil e complicada: 'n' civilizações já desapareceram -> Não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais... SEPARATISMO-50-50!
    1:54 PM

    -->> No passado (vide Poitiers), e no presente, os islâmicos (e não só) continuam a ambicionar ocupar e dominar novos territórios.-->> No passado tivémos que nos defender... e no presente (e no futuro) vamos ter que fazer o mesmo!.A Luta pela Sobrevivência é uma coisa difícil e complicada: 'n' civilizações já desapareceram!.Concluindo e resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... SEPARATISMO-50-50!
    6:02 PM

    ResponderEliminar

  19. -> Criminosos e mercenários... irão continuar a ter aceso a armas.
    .
    -> Com o fim do serviço militar obrigatório... o cidadão corre sérios riscos de ficar à mercê de criminosos e mercenários... [nota: tal é do interesse da superclasse!]
    .
    .
    P.S.
    -> A superclasse (alta finança internacional - capital global) pretende conduzir os países à IMPLOSÃO da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)...
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse ambiciona um Neofeudalismo, uma Nova Ordem a seguir ao caos...
    12:07 AM

    -> Existe pessoal DETERMINADO em conduzir os nativos europeus em direcção ao extermínio: governos marionetas da superclasse (ex. o governo francês) proibiram as estatísticas de cariz étnico... leia-se, para o governo francês, o caminho para a extinção de Identidades Autóctones (ex: os nativos europeus estão a caminho da extinção) deve ser considerado um assunto tabu. [nota: governo francês deveria ser julgado num tribunal internacional por colaboracionismo-nazi]
    --->>> Temos de ser DETERMINADOS na luta pela sobrevivência... leia-se: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    1:05 AM

    ResponderEliminar
  20. -> «strong>É preciso dizer não a um MUNDO NAZI«/strong>: um mundo dominado por aqueles que procuram pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros.
    .
    Nota:
    -> O que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    -> Pode-se ver quem anda por aí a efectuar uma sistemática busca de pretextos: o Nazismo Mafioso (um exemplo: a Inquisição Mestiça) repudia Hitler... mas, simultaneamente, o seu comportamento é hitleriano: andam por aí numa busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, das Identidades Étnicas Autóctones.
    .
    .
    -> O pessoal que anda numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios (ex: muçulmanos, etc)... invariavelmente (como seria de esperar)... adoptam o mesmo discurso: procuram pretextos com o objectivo de negar a outros... o Direito de terem o SEU espaço no planeta.
    .
    -> Pelo Direito à sobrevivência de Identidades Étnicas Autóctones: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    .
    .
    P.S.
    -> Existe pessoal determinado em conduzir os nativos europeus em direcção ao extermínio: governos marionetas da superclasse (ex. o governo francês) proibiram as estatísticas de cariz étnico... leia-se, para o governo francês, o caminho para a extinção de Identidades Autóctones (ex: os nativos europeus estão a caminho da extinção) deve ser considerado um assunto tabu. [nota: o governo francês deveria ser julgado num tribunal internacional por colaboracionismo-nazi]
    2:55 AM


    -> «strong>É preciso dizer não a um MUNDO NAZI«/strong>: um mundo dominado por aqueles que procuram pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros.
    -->> UM MUNDO AONDE EXISTA LUGAR para aqueles que apenas pretendem Sobreviver... sem por em causa o Direito à sobrevivência de outros...
    3:40 AM

    ResponderEliminar

  21. PRECISAMOS DE TODOS
    -> Não precisamos de lamentações sistemáticas... precisamos é de bons mecanismos de controlo... e precisamos que todos os contribuintes estejam atentos.
    .
    .
    Nota:
    RÉDEA CURTA
    -> Todos os gastos do Estado (despesas públicas superiores a - por exemplo - 1 milhão de euros) que não sejam considerados de «Prioridade Absoluta» [nota: a definir...] devem estar disponíveis para ser vetados durante 96 horas pelos contribuintes.

    {nota: a forma de vetar... deverá ser através da internet no "Portal dos Referendos" (portal que deverá vir a ser criado) -> aonde qualquer português com número de contribuinte, e maior de idade, poderá entrar e participar}

    Para vetar [ou reactivar] um gasto do Estado deverão ser necessários 100 mil votos [ou múltiplos: 200 mil, 300 mil, etc] de contribuintes.

    Resumindo: os políticos devem ser mantidos com a rédea curta... assim sendo, PRECISAMOS QUE TODOS os contribuintes estejam atentos aos gastos de dinheiro feitos dos políticos; leia-se, todos os contribuintes devem estar atentos ao "Portal dos Referendos".

    {um ex: a transferência de dinheiro do contribuinte para a... nacionalização do negócio 'madoffiano' BPN nunca se realizaria - seria vetada pelo contribuinte!}
    ---»»» blog fim-da-cidadania-infantil «««---
    .
    .
    P.S.
    O «LAMENTAÇÕES MAFIOSO»
    -> Existe o «Lamentações Parolo»... e... existe o «Lamentações Mafioso» - as lamentações deste não visam o mudar do sistema... leia-se, apenas visam 'mudar as moscas'... ficando o sistema inalterável: um sistema muito permeável a lobbys... leia-se, um sistema muito permeável ao lobby dos políticos e a muitos outros - um exemplo: o lobby dos banqueiros.
    .
    .
    Mais um P.S.
    -> O «fim-da-cidadania-infantil» NÃO É democracia directa... é tão somente (o que já não é nada pouco!)... um maior controlo da despesa!
    [nota: vai significar uma melhor gestão dos recursos disponíveis... vai significar um sistema menos permeável a lobbys... e vai também prevenir/evitar mais aumentos de impostos no futuro]
    -> Os contribuintes devem ser motivados a fazerem 'login' no "Portal dos Referendos"... e a fazerem um bom uso do seu plafond de ter Direito a 15 vetos mensais [que poderão acumular (até ao valor máximo de 30 vetos) para o mês seguinte].
    10:45 AM

    -> O cidadão está sendo roubado a a torto e a direito no preço da gasolina.
    .
    -> Os governos... hão-de querer continuar a vender recursos estratégicos a amigos.
    .
    -> Um pouco por todo o lado, é necessário consciencializar/mobilizar os cidadãos para que não sejam privatizados recursos estratégicos.
    [obs: eu cá estou disponível para participar em manifestações de protesto contra a privatização de recursos estratégicos - um ex: a água]
    10:49 AM

    ResponderEliminar
  22. -> É preciso dizer não a um MUNDO NAZI: um mundo dominado por aqueles que procuram pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros.
    -->> POR UM MUNDO AONDE EXISTA LUGAR para aqueles que apenas pretendem Sobreviver... sem por em causa o Direito à sobrevivência de outros...
    -> Leia-se, pelo Direito à sobrevivência de Identidades Étnicas Autóctones: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... SEPARATISMO-50-50!
    .
    Nota:
    -> O que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    1:07 PM


    «Na volta, se fizerem um estudo genético destes "portugueses autóctones" têm mais sangue judeu, preto e árabe que os gajos do Irão.»


    ahahahahahah... apanha-se mais depressa um NAZI do que um coxo!

    ---> O que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...

    ---> Os autóctones não procuram pretextos para negar o Direito à SOBREVIVÊNCIA de outros... procuram apenas... o legítimo Direito à SOBREVIVÊNCIA da sua Identidade!

    «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    10:26 PM

    ResponderEliminar

  23. -> Analisando o discurso do pessoal que anda numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios (ex: muçulmanos, etc)... vemos que, invariavelmente (como seria de esperar),... acabam por bater sempre na mesma tecla: acabam sempre à procura de pretextos com o objectivo de negar a outros (ex: Identidades Autóctones)... o Direito de terem o SEU espaço no planeta.
    11:15 PM

    NÃO HÁ TEMPO A PERDER... com pessoal que não se preocupou em construir uma sociedade sustentável (média de 2.1 filhos por mulher)... que criticou a repressão dos Direitos das mulheres… e em simultâneo, para cúmulo (!!!),… defende que se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica proveniente de determinados países {aonde essa 'boa produção' foi proporcionada precisamente pela «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">repressão dos Direitos das mulheres«/a>... leia-se: os islâmivos (por exemplo) reprimem os Direitos das mulheres (mulheres tratadas como uns ‘úteros ambulantes’) com o objectivo de alcançar uma vantagem competitiva demográfica}… para resolver o deficit demográfico na Europa!!!
    Quem só vê um palmo à frente do nariz... anda por aí, de década em década, numa alegre decadência 'kosovariana'.
    Não vamos ser uns 'parvinhos-à-Sérvia'... antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de europeus que possui disponibilidade emocional (e coragem) para se envolver num projecto de luta pela sobrevivência... e «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    2:07 AM

    ResponderEliminar
  24. -> Os adeptos da globalização/cosmopolitismo que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos de outros...
    .
    -> O que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    .
    -> A BESTA GLOBALIZADORA esperneia por todos os lados... procurando pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência das Identidades Autóctones.
    .
    -> É preciso dizer não a um MUNDO NAZI: um mundo dominado por aqueles que procuram pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros.
    --->>> POR UM MUNDO AONDE EXISTA LUGAR para aqueles que apenas pretendem Sobreviver sem por em causa o Direito à sobrevivência de outros,... [leia-se, pelo Direito à sobrevivência de Identidades Étnicas Autóctones, não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência]... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    .
    .
    NOTA 1:
    - Não há tempo a perder com o pessoal que anda numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios (ex: muçulmanos, etc). analisando o seu discurso... vemos que, invariavelmente (como seria de esperar),... acabam por bater sempre na mesma tecla: acabam sempre à procura de pretextos com o objectivo de negar a outros (ex: Identidades Autóctones)... o Direito de terem o SEU espaço no planeta.
    .
    NOTA 2:
    - Não há tempo a perder com BADALHOCOS (ex: alguns cristãos)... que promovem a NATURALIZAÇÃO de pessoal (ex: islâmicos) que reprime os Direitos das mulheres («a href="http://tabusexo.blogspot.com/">mulheres tratadas como uns ‘úteros ambulantes’«/a>) com o objectivo de alcançar uma vantagem competitiva demográfica... argumentando que se deve aproveitar a ‘boa produção’ demográfica dos islâmicos para resolver o deficit demográfico na Europa!
    .
    .
    P.S.
    -> Existe pessoal determinado em conduzir os nativos europeus em direcção ao extermínio: governos marionetas da superclasse (ex. o governo francês) proibiram as estatísticas de cariz étnico... leia-se, para o governo francês, o caminho para a extinção de Identidades Autóctones (ex: os nativos europeus estão a caminho da extinção) deve ser considerado um assunto tabu. [nota: o governo francês deveria ser julgado num tribunal internacional por colaboracionismo-nazi]
    .
    P.S.2.
    -> A superclasse (alta finança internacional - capital global) não só pretende conduzir os países à IMPLOSÃO da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à IMPLOSÃO económica/financeira.
    -> A superclasse é anti-povos que pretendem sobreviver pacatamente no planeta...
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse ambiciona um Neofeudalismo, uma Nova Ordem a seguir ao caos...
    3:51 PM

    ResponderEliminar
  25. «...»


    ahahahahahah... apanha-se mais depressa um NAZI do que um coxo!
    -> Aguente-se! A sua máscara caiu!

    ---> O que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...

    ---> Os autóctones não procuram pretextos para negar o Direito à SOBREVIVÊNCIA de outros... procuram apenas... o legítimo Direito à SOBREVIVÊNCIA da sua Identidade!

    SEPARATISMO-50-50!

    ResponderEliminar
  26. Espiral Recessiva: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>
    Será necessário uma campanha para MOTIVAR os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!!! Leia-se: para além do «Direito ao Veto de quem paga» (blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>).... é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    Uma obs:
    - A conversa de pedir eleições atrás de eleições... governos atrás de governos... é música para otários! Leia-se, é uma conversa que visa «strong>perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte«/strong>! De facto, em vez de andar por aí a reivindicar eleições em todos os "trimestres" ('vira o disco e toca o mesmo')... os cidadãos deveriam estar, isso sim, muito mais atentos à actuação dos governos...

    ResponderEliminar
  27. -> Não existe interesse em estar a mudar de governo todos os "semestres" ('vira o disco e toca o mesmo')!...
    -> Interessa, isso sim, é os cidadãos estarem muito mais atentos à actuação dos governos...
    .
    -> Dito de outra maneira, será necessário uma campanha para MOTIVAR os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!!!
    -> Leia-se: para além do «Direito ao Veto de quem paga» (blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>).... é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    Nota:
    -> Espiral Recessiva: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    -> Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>

    ResponderEliminar
  28. -> Anda por aí muita música para entreter otários: leia-se, conversas que visam «strong>perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte«/strong>... e... desviar a atenção de certos interesses instalados...
    .
    -> De facto, não existe interesse em estar a mudar de governo todos os "semestres" ('vira o disco e toca o mesmo')!...
    -> Interessa, isso sim, é os cidadãos estarem muito mais atentos à actuação dos governos...

    ResponderEliminar
  29. -> Pretender que o cidadão visualize os políticos como «milagreiros económicos»... é música para entreter otários: leia-se, conversas que visam «strong>perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte«/strong>... e... desviar a atenção de certos interesses instalados...
    -> O cidadão não deve visualizar os governos como «milagreiros económicos»... mas sim... como uma entidade que deve apresentar ideias que possibilitem uma melhor rentabilização dos recursos disponíveis... {ver Anexo}
    .
    -> Ciclos económicos... é algo com o qual temos de saber conviver...
    -> Existe uma coisa completamente diferente: Espiral Recessiva - o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>
    .
    .
    -> Não existe interesse em estar a mudar de governo todos os "semestres" ('vira o disco e toca o mesmo')!...
    -> Interessa, isso sim, é os cidadãos estarem muito mais atentos à actuação dos governos...
    .
    -> Dito de outra maneira, será necessário uma campanha para MOTIVAR os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!!!
    -> Leia-se: para além do «Direito ao Veto de quem paga» (blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>).... é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    .
    Anexo:
    -> Um exemplo:
    - ficar à espera de um crescimento económico significativo... pode ser uma miragem sebastiânica.
    - um desemprego muito elevado... pode originar implosão social...
    .
    --->>> O governo deveria analisar os sectores aonde é possível gerar emprego por fraccionamento do trabalho.
    .
    Com algum exagero, um anónimo disse:
    «em>«Querem acabar desemprego?
    Aumentem a laboração (dia de trabalho para 12 horas), com 2 turnos de 6 horas, claro que haveria de haver uma diminuição de salário para alguns (pois haveria redução de horas), mas haveria trabalho para todos...»«/em>



    ResponderEliminar
  30. -> Anda por aí muita música para entreter otários: leia-se, conversas que visam «strong>perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte«/strong>... e... desviar a atenção de certos interesses instalados...
    .
    -> Ora, não existe interesse em estar a mudar de governo todos os "semestres" ('vira o disco e toca o mesmo')!... Leia-se: mudam os governantes... mas os lobbys mantêm a sua influência... e quando passarem a «ex-», os governantes, têm belos 'tachos' à sua espera.
    -> De facto, interessa, isso sim, é os cidadãos estarem muito mais atentos à actuação dos governos...


    -> A limitação do número de mandatos dos políticos é um álibi/truque para reivindicar reformas antecipadas!...
    .
    -> Os políticos não deverão ter o número de mandatos limitado... mas, em contrapartida, esses mandatos deverão estar sujeitos a uma muito maior vigilância/controlo por parte dos cidadãos...; e os políticos deverão ter uma idade de reforma igual à do regime geral! [blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>]
    .
    .
    Pelo 'Direito ao Veto de quem paga': blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>.


    ResponderEliminar
  31. O cidadão têm que estar atento... pois, os políticos estão sempre à espreita de criar O.N.R. (oportunidades de negócio de roubalheira) para amigos.
    Ex: a privatização de GALP (leia-se, eliminação da concorrência pública) foi uma O.N.R. para amigos.
    -> O cidadão está sendo roubado a a torto e a direito no preço da gasolina.
    -> Os governos... hão-de querer que amigos se vejam livres... da concorrência pública.
    -> Os governos... hão-de querer continuar a vender recursos estratégicos a amigos.
    -> Um pouco por todo o lado, é necessário consciencializar/mobilizar os cidadãos para que não sejam privatizados recursos estratégicos.
    [obs: eu cá estou disponível para participar em manifestações de protesto contra a privatização de recursos estratégicos - um ex: a água]
    .
    .
    P.S.
    -> Não existe interesse em estar a mudar de governo todos os "semestres" ('vira o disco e toca o mesmo')!... Leia-se: mudam os governantes... mas os lobbys mantêm a sua influência... e quando passarem a «ex-», os governantes, têm assegurados belos 'tachos' à sua espera.
    -> De facto, interessa, isso sim, é os cidadãos estarem muito mais atentos à actuação dos governos...
    Pelo 'Direito ao Veto de quem paga': blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>.

    ResponderEliminar
  32. -->> No passado (vide Poitiers), e no presente, os islâmicos (e não só) continuam a ambicionar ocupar e dominar novos territórios.
    -->> No passado tivémos que nos defender... e no presente (e no futuro) vamos ter que fazer o mesmo!...
    .
    A Luta pela Sobrevivência envolve:
    -1- capacidade de renovação demográfica;
    -2- capacidade de auto-defesa face àqueles que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    .
    A Luta pela Sobrevivência é uma coisa difícil e complicada: 'n' civilizações já desapareceram!
    .
    Concluindo e resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    .
    .
    P.S.
    Como é óbvio, não há tempo a perder com badalhocos (ex: alguns cristãos)... que estão, por exemplo, contra o casamento e a adopção aos casais homossexuais... e depois, em simultâneo (!?!?!)... promovem a NATURALIZAÇÃO de pessoal (ex: islâmicos) que reprime os Direitos das mulheres («a href="http://tabusexo.blogspot.com/">mulheres tratadas como uns ‘úteros ambulantes’«/a>) com o objectivo de alcançar uma vantagem competitiva demográfica... argumentando que se deve aproveitar a ‘boa produção’ demográfica dos islâmicos para resolver o deficit demográfico na Europa!?!?!

    ResponderEliminar
  33. -> A Espanha não é uma Nação... mas sim um 'Estado Mercenário'.
    -> O blog 'Gladius' tem mostrado aquilo que já seria de esperar: o Estado Mercenário espanhol tem tido um actuação que têm em vista... a LIQUIDAÇÃO de Identidades Autóctones.

    *

    -> A superclasse (alta finança internacional - capital global) ambiciona a 'Detroitização' de vastas áreas do planeta.
    -> Pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit -> um caos organizado por alguns - a superclasse ambiciona um Neofeudalismo, uma Nova Ordem a seguir ao caos...
    .
    Nota:
    1- a superclasse não só pretende conduzir os países à implosão da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à implosão económica/financeira...
    2- a superclasse é anti-povos que pretendem sobreviver pacatamente no planeta...
    3- a superclasse apoia aqueles... que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.

    ResponderEliminar
  34. -> Não seja/sejam cúmplices da música para otários: «vira o disco e toca o mesmo».
    -> De facto, mesmo realizando eleições em todos os "semestres"... seria o «vira o disco e toca o mesmo»: os lobbys manteriam a sua influência... e quando passassem a «ex-», os governantes, teriam belos 'tachos' à sua espera.
    .
    -> Votar em políticos... sim mas... votar não é passar um 'cheque em branco'!
    -> Os políticos não deverão ter o número de mandatos limitado... mas, em contrapartida, esses mandatos deverão estar sujeitos a uma muito maior vigilância/controlo por parte dos cidadãos. [nota: e os políticos deverão ter uma idade de reforma igual à do regime geral!]
    .
    -> Pelo 'Direito ao Veto de quem paga': blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>.

    ResponderEliminar
  35. Eu não estou interessado nestas manifestações...
    .
    Eu estou disponível é para participar numa Plataforma de Intervenção Cívica... que nos permita ultrapassar o sistema vigente - o sistema «vira o disco e toca o mesmo».
    .
    .

    ResponderEliminar
  36. -> Anda por aí muita conversa que... visa perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte... isto é, ou seja, lançar uma cortina de fumo para que o contribuinte não veja o óbvio: os contribuintes não podem passar um 'cheque em branco' aos políticos!... Leia-se: votar em políticos... sim mas... votar não é passar um 'cheque em branco'!
    .
    -> Não seja/sejam cúmplices da música para otários: «vira o disco e toca o mesmo».
    -> De facto, mesmo realizando eleições em todos os "semestres"... seria o «vira o disco e toca o mesmo»: os lobbys manteriam a sua influência... e quando passassem a «ex-», os governantes, teriam belos 'tachos' à sua espera.
    .
    -> Os políticos não deverão ter o número de mandatos limitado... mas, em contrapartida, esses mandatos deverão estar sujeitos a uma muito maior vigilância/controlo por parte dos cidadãos. [nota: e os políticos deverão ter uma idade de reforma igual à do regime geral!]
    .
    -> Pelo 'Direito ao Veto de quem paga': blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>.

    ResponderEliminar
  37. Nações... a caminho de... 'Estados Mercenários'.


    -> Há coisas mais importantes a fazer... leia-se: LUTAR PELA SOBREVIVÊNCIA!
    --->>> Resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>

    ResponderEliminar
  38. -> Os 'parvinhos-à-Sérvia'... agora têm de se aguentar!
    -> Pois é, a 'coisa' tem de se pensada a longo prazo!
    .
    --->>> Resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>

    ResponderEliminar
  39. A melhor forma de CONTROLAR OS VÍCIOS DOS LOBBYS (Banca incluída) é o «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">'Direito ao Veto de quem paga'«/a>: ver blog «fim-da-cidadania-infantil».
    -> Mesmo realizando eleições em todos os "semestres"... seria o «vira o disco e toca o mesmo»: os lobbys manteriam a sua influência... e quando passassem a «ex-», os governantes, teriam belos 'tachos' à sua espera.
    .
    -> Anda por aí muita conversa que... visa perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte... isto é, ou seja, lançar uma cortina de fumo para que o contribuinte não veja o óbvio: os contribuintes não podem passar um 'cheque em branco' aos políticos!... Leia-se: votar em políticos... sim mas... votar não é passar um 'cheque em branco'!
    -> Os políticos não deverão ter o número de mandatos limitado... mas, em contrapartida, esses mandatos deverão estar sujeitos a uma muito maior vigilância/controlo por parte dos cidadãos. [nota: e os políticos deverão ter uma idade de reforma igual à do regime geral!]
    .
    .
    Nota:
    -> Espiral Recessiva: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>
    -> Será necessário uma campanha para MOTIVAR os contribuintes a participar... leia-se, para além do «Direito ao Veto de quem paga», é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.

    ResponderEliminar
  40. 'Detroitização' de Portugal: uma Nação... a caminho de... tornar-se um 'Estado Mercenário'.
    -> A superclasse (alta finança internacional - capital global) ambiciona a 'Detroitização' de vastas áreas do planeta.
    -> Pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit -> um caos organizado por alguns - a superclasse ambiciona um Neofeudalismo, uma Nova Ordem a seguir ao caos...
    .
    Nota:
    1- a superclasse não só pretende conduzir os países à implosão da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à implosão económica/financeira...
    2- a superclasse é anti-povos que pretendem sobreviver pacatamente no planeta...
    3- a superclasse apoia aqueles... que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    .
    .
    --->>> Resumindo: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>

    ResponderEliminar
  41. Por um mundo mais JUSTO, não podemos aceitar as proibições que BANDALHOS ÉTICOS continuam a querer impor: promoveram a proibição de ser Pai Solteiro (nota: numa primeira fase ter acesso a barrigas de aluguer, e a longo prazo ter acesso a úteros artificias)… e, simultaneamente… promoveram a NATURALIZAÇÃO de pessoal (ex. islâmicos) que reprime os Direitos das mulheres com o objectivo de... alcançar uma vantagem competitiva demográfica.
    Pois é, é de facto incrível: os badalhocos (ex: alguns cristãos) ao mesmo tempo que querem proibir o Direito de Ser Pai Solteiro... argumentam que a 'salvação' da demografia europeia está naqueles (não europeus) que tratam as mulheres como uns 'úteros ambulantes'.
    .
    .
    .
    Nota: UMA QUESTÃO A LEVANTAR:
    - «strong>O Direito de ter filhos em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas!«/strong>
    .
    Ainda há parolos que acreditam em histórias da carochinha... mas há que ASSUMIR a realidade:
    - Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas apenas os «strong>machos mais fortes«/strong> é que possuem filhos.
    - No entanto, para conseguirem sobreviver, muitas sociedades tiveram necessidade de mobilizar/motivar os «strong>machos mais fracos«/strong> no sentido de eles se interessarem/lutarem pela preservação da sua Identidade!... De facto, analisando o Tabú-Sexo (nas Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas) chegamos à conclusão de que o verdadeiro objectivo do Tabú-Sexo era proceder à integração social dos machos sexualmente mais fracos; Ver «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">http://tabusexo.blogspot.com/«/a>.
    .
    CONCLUINDO:
    - Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas é natural que sejam apenas os machos mais fortes a terem filhos, NO ENTANTO, as Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas têm de assumir a sua História: não podem continuar a tratar os machos sexualmente mais fracos como sendo o caixote do lixo da sociedade!... Assim sendo, nestas sociedades deve ser possibilitada a existência de barrigas de aluguer {ÚTEROS ARTIFICIAIS - deve ser considerado uma Investigação Cientifica Prioritária!...} para que, nestas sociedades {a longo prazo} os machos (de boa saúde) rejeitados pelas fêmeas, possam ter filhos!
    .
    .
    NOTA 1: Incompetência sexual não significa inutilidade... de facto, os machos mais fracos já mostraram o seu valor: as sociedades tecnologicamente mais evoluídas... são sociedades tradicionalmente monogâmicas!
    .
    NOTA 2: Hoje em dia, por um lado, muitas mulheres vão à procura de machos de maior competência sexual, nomeadamente, machos oriundos de sociedades tradicionalmente Poligâmicas: nestas sociedades apenas os machos mais fortes é que possuem filhos, logo, seleccionam e apuram a qualidade dos machos.
    Por outro lado, hoje em dia muitos machos das sociedades tradicionalmente Monogâmicas vão à procura de fêmeas Economicamente Fragilizadas [mais dóceis] oriundas de outras sociedades...
    -
    NOTA 3: Quando se fala em Direitos das crianças, há que olhar também para o seguinte: muitas crianças hão-de querer ter a oportunidade de vir a ser pais!
    Dito de outra maneira: não está em causa ter (ou não ter) acesso a 'isto ou aquilo'... mas sim, o facto da sociedade não poder estar a IMPOR BLOQUEIOS EMOCIONAIS: leia-se, ao não legalizar as famílias monoparentais (a masculina em particular) a sociedade está a fazer com que uma faixa (de certa forma significativa) da população masculina não tenha filhos.
    (obs: ser pai ou ser mãe não é ter uma coisa qualquer)

    ResponderEliminar
  42. ANEXO:
    'Detroitização' de Portugal (e não só): implosão de Identidades Autóctones... e caos económico.
    [obs: Nações... a caminho de... tornarem-se 'Estados Mercenários']
    -> A superclasse (alta finança internacional - capital global) ambiciona a 'Detroitização' de vastas áreas do planeta.
    -> Pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit -> um caos organizado por alguns - a superclasse.
    .
    Nota:
    1- a superclasse não só pretende conduzir os países à implosão da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à implosão económica/financeira...
    2- a superclasse é anti-povos que pretendem sobreviver pacatamente no planeta...
    3- a superclasse apoia aqueles... que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    4- a superclasse ambiciona um Neofeudalismo: uma Nova Ordem a seguir ao caos...

    ResponderEliminar
  43. Não é com manifestações e com greves... que se vai conseguir controlar os vícios dos lobbys!
    A melhor forma de CONTROLAR OS VÍCIOS DOS LOBBYS (Banca incluída) é o «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">'Direito ao Veto de quem paga'«/a>: ver blog «fim-da-cidadania-infantil».

    ResponderEliminar
  44. Combater o Risco de Implosão Social
    [O fraccionamento do trabalho]
    .
    -> Quanto maior o desemprego... maior o risco de implosão social.
    -> Ficar à espera de um crescimento económico significativo... poderá ser uma espera sebastiânica.
    .
    -> Com algum exagero, um internauta anónimo disse:
    «em>«Querem acabar desemprego?
    Aumentem a laboração (dia de trabalho para 12 horas), com 2 turnos de 6 horas, claro que haveria de haver uma diminuição de salário para alguns (pois haveria redução de horas), mas haveria trabalho para todos...»«/em>
    -> A 'coisa' não seria assim tão linear... leia-se, a ser inscrito na Constituição:
    - com uma taxa de desemprego entre 5-9 por cento - caso exista mão-de-obra qualificada disponível e para empregos de salário superior a 3 salários mínimos - uma entidade patronal deverá poder aumentar (sem custos salariais adicionais) um turno de 8 horas... para dois turnos de 6 horas;
    - com uma taxa de desemprego entre 10-14 por cento - caso exista... e para empregos de salário superior a 2,5 salários mínimos - uma entidade patronal deverá poder aumentar (sem custos...) um turno de 8 horas... para dois turnos de 6 horas;
    - com uma taxa de desemprego entre 15-19 por cento - ... para empregos de salário superior a 2 salários mínimos - ... um turno de 8 horas... para dois turnos de 6 horas;
    - com uma taxa de desemprego superior a 20 por cento - ... para empregos de salário superior a 1,5 salários mínimos - ... um turno de 8 horas... para dois turnos de 6 horas -> NOTA: nesta situação, o salário mínimo 'fraccionado' equivalerá a 75% do salário mínimo normal.


    ResponderEliminar
  45. A democracia directa não é solução... mas votar em políticos não é passar um 'cheque em branco'!!!!!!
    Os cidadãos não podem ver os políticos como um 'paizinho'... devem, isso sim, é exigir uma maior fiscalização e controlo sobre a actividade política!
    O Presidente da República pode vetar uma lei... sem querer derrubar o governo!!!
    Os contribuintes devem poder vetar uma despesa com a qual não concordam... sem querer derrubar o governo!!!
    .
    .
    .
    ABCDE disse:
    «em>«......»«/em>
    .
    -> Anda por aí muita música para entreter otários: leia-se, conversas que visam «strong>perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte«/strong>... e... desviar a atenção de certos interesses instalados...
    -> Leia-se, apenas visam 'mudar as moscas'... ficando o sistema inalterável (vira o disco e toca o mesmo): um sistema muito permeável a lobbys... leia-se, um sistema muito permeável ao lobby dos políticos e a muitos outros - um exemplo: o lobby dos banqueiros.
    -> -> Por um sistema menos permeável a lobbys... temos de pensar, não em «em>«políticos governantes»«/em>... mas sim... em «em>«políticos gestores públicos»«/em> que fazem uma gestão transparente para/perante cidadãos atentos... leia-se, temos de pensar em bons mecanismos de controlo... um exemplo: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].

    ResponderEliminar
  46. [obs: desde que exista o - legítimo - Direito ao separatismo... os 'globalization-lovers' que fiquem na sua!...]

    ResponderEliminar
  47. Já é altura de aprender com o passado:
    1- Não é com manifestações e com greves... que se vai conseguir controlar os vícios dos lobbys!
    2- A melhor forma de CONTROLAR OS VÍCIOS DOS LOBBYS (Banca incluída) é o «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">'Direito ao Veto de quem paga'«/a>: ver blog «fim-da-cidadania-infantil».
    ---> Mesmo realizando eleições em todos os "semestres"... seria o «vira o disco e toca o mesmo»: os lobbys manteriam a sua influência... e quando passassem a «ex-», os governantes, teriam belos 'tachos' à sua espera.
    ---> Anda por aí muita conversa que... visa perpetuar/eternizar a parolização de contribuinte... isto é, ou seja, lançar uma cortina de fumo para que o contribuinte não veja o óbvio: os contribuintes não podem passar um 'cheque em branco' aos políticos!... Leia-se: votar em políticos... sim mas... votar não é passar um 'cheque em branco'!
    .
    .
    Mais, toca a abrir a pestana -> existe por aí muito político cujo 'trabalhinho' é abrir oportunidades para a superclasse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis, electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    .
    .
    Nota:
    1- a superclasse não só pretende conduzir os países à implosão da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à implosão económica/financeira...
    2- a superclasse é anti-povos que pretendem sobreviver pacatamente no planeta...
    3- a superclasse apoia aqueles... que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    4- o caos proporciona uma OPORTUNIDADE à superclasse: um Neofeudalismo - uma Nova Ordem a seguir ao caos...
    ['Detroitização' de vastas áreas do planeta... pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit]

    ResponderEliminar
  48. Toca a abrir a pestana -> existe por aí muito político cujo 'trabalhinho' é abrir oportunidades para a superclasse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    .
    .
    Nota:
    1- a superclasse não só pretende conduzir os países à implosão da sua Identidade (dividir/dissolver identidades para reinar)... como também... pretende conduzir os países à implosão económica/financeira...
    2- a superclasse é anti-povos que pretendem «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">sobreviver pacatamente no planeta...«/a>
    3- a superclasse apoia aqueles... que estão numa corrida demográfica pelo controlo de novos territórios.
    4- o caos proporciona uma OPORTUNIDADE à superclasse: um Neofeudalismo - uma Nova Ordem a seguir ao caos...
    ['Detroitização' de vastas áreas do planeta... pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit]

    ResponderEliminar
  49. .
    .
    P.S.
    Nos mais variados sítios... existem infiltrados que pretendem 'enrolar' a coisa... leia-se, querem que os 'globalization-lovers' vaiam ganhando tempo...

    ResponderEliminar
  50. -> A questão não é mudar de governo... com um sistema igual: apenas 'mudam as moscas'... ficando o sistema inalterável (vira o disco e toca o mesmo): um sistema muito permeável a lobbys... leia-se, um sistema muito permeável ao lobby dos políticos e a muitos outros - um exemplo: o lobby dos banqueiros.
    .
    -> A questão é - isso sim - MUDAR DE PARADIGMA: por um sistema menos permeável a lobbys... temos de pensar, não em «em>«políticos governantes»«/em> [vulgo políticos que, armados em 'milagreiros económicos', acabam por nos enfiar numa Espiral Recessiva]... mas sim... em «em>«políticos gestores públicos»«/em> que fazem uma gestão TRANSPARENTE para/perante cidadãos atentos... leia-se, temos de pensar em bons mecanismos de controlo... um exemplo: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].
    .
    .
    P.S.
    -> Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma ESPIRAL RECESSIVA: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>
    -> Será necessário uma campanha para MOTIVAR os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.

    ResponderEliminar
  51. -> Político armado em 'milagreiros económico', é político que quer carta branca para pedir empréstimos...
    -> Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma ESPIRAL RECESSIVA: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>
    -> Será necessário uma campanha para MOTIVAR os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.

    ResponderEliminar
  52. -> É um recuo estratégico... porque, na realidade, a superclasse está a 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos (*) - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo!
    .
    .
    (*) 'Detroitização' de vastas áreas do planeta... pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit.

    ResponderEliminar
  53. Mudança de Paradigma Democrático:
    - RETIRAR PODER AOS POLÍTICOS... e... um sistema menos permeável a lobbys.
    .
    .
    1- Auto-estradas 'olha lá vem um', nacionalização de negócios "madoffianos" (ex: BPN), etc… anda por aí muito pessoal a querer mandar naquilo que não é seu - o dinheiro dos contribuintes - consequentemente, como é óbvio, o Contribuinte tem de defender-se: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].
    .
    2- Político armado em 'milagreiro económico', é político que quer carta branca para pedir empréstimos...
    -> Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma ESPIRAL RECESSIVA: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>
    -> Será necessário uma campanha para motivar os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    3- A participação do Banco Público, CGD, nas negociações de «a href="http://www.tvi24.iol.pt/economia---dinheiro-pessoal/cartel-banca-cartel-nos-bancos-bancos-buscas-barclays/1428118-6378.html">Cartelização da Banca«/a>.... vem reforçar aquilo que já se sabia: existe por aí muito político cujo 'trabalhinho' é abrir oportunidades para a superclasse (alta finança - capital global):
    - caos nas finanças públicas;
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    Resumindo: os políticos não podem continuar a ter o poder de nomear directamente os gestores das empresas estratégicas (ex: água, e outras a definir)... leia-se, deve existir um CONCURSO PÚBLICO de gestores... e... embora seja o governo a escolher a equipa gestora vencedora do concurso público... todavia, deve existir a obrigatoriedade de partilhar informação... no sentido de que o contribuinte possa acompanhar o andamento do concurso público.

    ResponderEliminar
  54. Manifestações em todo o país (eventualmente uma greve geral)
    -> São necessárias manifestações em todo o país (eventualmente uma greve geral)... tendo em vista alterações à Constituição... que permitam uma Mudança de Paradigma Democrático:
    - «strong>RETIRAR PODERES AOS POLÍTICOS... e... um sistema menos permeável a lobbys.«/strong>
    .
    .
    -> As manifestações em causa... não terão nada a haver com as manifestações à CGTP... por motivos óbvios:
    - as manifestações à CGTP visam o perpetuar/eternizar da parolização do contribuinte: queda de governos semestre sim, semestre sim,... leia-se, 'mudar as moscas'... ficando o sistema inalterável (vira o disco e toca o mesmo): um sistema aonde os lobbys manobram sempre a seu belo prazer... e... aonde, ao passarem a «ex-», os governantes terão belos 'tachos' à sua espera.
    .
    .
    .
    Anexo:
    Não é muito difícil de perceber que é um imperativo... RETIRAR PODERES AOS POLÍTICOS (e um sistema menos permeável a lobbys):

    ResponderEliminar
  55. --->>> ... conversa que visa o perpetuar/eternizar da parolização do contribuinte: queda de governos semestre sim, semestre sim,... leia-se, 'mudar as moscas'... ficando o sistema inalterável (vira o disco e toca o mesmo): um sistema aonde os lobbys manobram sempre a seu belo prazer... e... aonde, ao passarem a «ex-», os governantes terão belos 'tachos' à sua espera.
    .
    .
    .
    .
    Manifestações em todo o país (eventualmente uma greve geral)
    -> São necessárias manifestações em todo o país (eventualmente uma greve geral)... tendo em vista alterações à Constituição... que permitam uma Mudança de Paradigma Democrático:
    - «strong>RETIRAR PODERES AOS POLÍTICOS... e... um sistema menos permeável a lobbys.«/strong>
    .
    .
    -> As manifestações em causa... não terão nada a haver com as manifestações à CGTP... por motivos óbvios:
    - as manifestações à CGTP visam o perpetuar/eternizar da parolização do contribuinte...

    ResponderEliminar
  56. P.S.
    Temos de pensar não em «em>«políticos governantes»«/em> [vulgo políticos que, armados em 'milagreiros económicos', acabam por nos enfiar numa Espiral Recessiva]... mas sim... em «em>«políticos gestores públicos»«/em> que fazem uma gestão TRANSPARENTE para/perante cidadãos atentos [blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">'fim-da-cidadania-infantil'«/a>]... mais, em vez de andarem 'preocupados' em contrair dívida... os políticos deveriam, isso sim, era em estar empenhados em apresentar IDEIAS com o objectivo de se fazer uma BOA GESTÃO dos recursos diponíveis.


    P.S.2.
    Economistas profissionais mostram-se (agora) indignados com os índices económicos... todavia, no entanto, eles não se indignaram com o facto de SER MUITO PERIGOSO o governo de Sócrates (e outros governos) andarem a pedir 'mil milhões' às carradas. {pois é, também se tem de pensar em pagar}
    Leia-se: os economistas profissionais devem manifestar a sua opinião... todavia, no entanto, a avaliação de muitas decisões... terá de passar obrigatoriamente pelo Contribuinte: o «em>«Direito ao Veto de quem Paga»«/em> [fim-da-cidadania-infantil].

    ResponderEliminar
  57. Anda por aí muita conversa que visa o perpetuar/eternizar da parolização do contribuinte: queda de governos semestre sim, semestre sim,... leia-se, 'mudar as moscas'... ficando o sistema inalterável (vira o disco e toca o mesmo): um sistema aonde os lobbys manobram sempre a seu belo prazer... e... aonde, ao passarem a «ex-», os governantes terão belos 'tachos' à sua espera.

    ...

    P.S.
    Pessoal (agora) indignado com os actuais índices económicos... todavia, no entanto, não se indignaram com o facto de SER MUITO PERIGOSO o governo de Sócrates (e outros governos) andarem a pedir 'mil milhões' às carradas. {pois é, também se tem de pensar em pagar}

    ResponderEliminar
  58. «......»

    ahahahahahahah

    ---> Veja-se quem andou por aí a apregoar aos sete ventos... que o FEDERALISMO (nota: implosão de soberanias) era a solução necessária... para que a Europa não caia num caos económico: FOI PRECISAMENTE o pessoal que, no passado, andou a apregoar «há mais vida para além do deficit»!
    Este pessoal [marionetas ao serviço da superclasse (alta finança - capital global)] sabia, muito bem, que contrair endividamento... esperando um crescimento económico perpétuo... era uma RATOEIRA!...
    .
    -> Anda por aí muito político cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse (alta finança - capital global).
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos (*) - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo!
    .
    .
    (*) Países em vias de 'Detroitização'... pode-se ver, por exemplo, «aqui» o "paraíso" que é Detroit.

    ResponderEliminar
  59. «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a>

    ResponderEliminar
  60. ---> Em vez de andar por aí a barafustar contra os políticos, o contribuinte já devia ter percebido - há muito tempo - que O PODER DOS POLÍTICOS É EXCESSIVO!
    .
    De facto, não é muito difícil de perceber que é um imperativo... retirar poderes aos políticos (e um sistema menos permeável a lobbys); alguns exemplos:
    1- Auto-estradas 'olha lá vem um', nacionalização de negócios "madoffianos" (ex: BPN), etc… anda por aí muito pessoal a querer mandar naquilo que não é seu - o dinheiro dos contribuintes - consequentemente, como é óbvio, o Contribuinte tem de defender-se: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].
    .
    2- Político armado em 'milagreiro económico', é político que quer carta branca para pedir empréstimos...
    -> Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma ESPIRAL RECESSIVA: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: «strong>pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!«/strong>
    -> Será necessário uma campanha para motivar os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    3- A participação do Banco Público, CGD, nas negociações de «a href="http://www.tvi24.iol.pt/economia---dinheiro-pessoal/cartel-banca-cartel-nos-bancos-bancos-buscas-barclays/1428118-6378.html">Cartelização da Banca«/a>.... vem reforçar aquilo que já se sabia: existe por aí muito político cujo 'trabalhinho' é abrir oportunidades para a superclasse (alta finança - capital global):
    - caos nas finanças públicas;
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    Resumindo: os políticos não podem continuar a ter o poder de nomear directamente os gestores das empresas estratégicas (ex: água, e outras a definir)... leia-se, deve existir um CONCURSO PÚBLICO de gestores... e... embora seja o governo a escolher a equipa gestora vencedora do concurso público... todavia, deve existir a obrigatoriedade de partilhar informação... no sentido de que o contribuinte possa acompanhar o andamento do concurso público.
    .
    .
    P.S.
    -> Pessoal (agora) indignado com os actuais índices económicos... todavia, no entanto, não se indignaram com o facto de SER MUITO PERIGOSO o governo de Sócrates (e outros governos) andarem a pedir 'mil milhões' às carradas.
    {pois é, também se tem de pensar em pagar}
    -> Anda por aí muita conversa que visa o perpetuar/eternizar da parolização do contribuinte: queda de governos semestre sim, semestre sim,... leia-se, 'mudar as moscas'... ficando o sistema inalterável (vira o disco e toca o mesmo): um sistema aonde os lobbys manobram sempre a seu belo prazer... e... aonde, ao passarem a «ex-», os governantes terão belos 'tachos' à sua espera.

    ResponderEliminar
  61. Anexo:
    Manifestações em todo o país (eventualmente uma greve geral)
    -> «a href="http://concorrenciaaserio.blogspot.pt/2013/03/manifestacoes-em-todo-o-pais.html">São necessárias manifestações em todo o país (eventualmente uma greve geral)«/a>... tendo em vista alterações à Constituição... que permitam uma Mudança de Paradigma Democrático:
    - «strong>RETIRAR PODERES AOS POLÍTICOS... e... um sistema menos permeável a lobbys.«/strong>

    ResponderEliminar
  62. -> Pode-se ver «a href="http://concorrenciaaserio.blogspot.pt/2013/03/manifestacoes-em-todo-o-pais.html">«neste»«/a> post alguns exemplos que mostram que os O PODER DOS POLÍTICOS É EXCESSIVO!...
    -> Leia-se: por um lado, deve-se retirar poderes aos políticos... e, por outro lado, o CONTRIBUINTE DEVE TER UMA ATITUDE DE SUPERVISOR muito mais interventiva!...
    .
    -> São necessárias manifestações em todo o país (eventualmente uma greve geral)... tendo em vista alterações à Constituição... que permitam uma Mudança de Paradigma Democrático:
    - Retirar poderes aos políticos... e... um sistema menos permeável a lobbys.
    .
    -> As manifestações em causa... não terão nada a haver com as manifestações à CGTP... por motivos óbvios - os CGTP's são uns ESMIFRA-CONTRIBUINTES!
    -> Existem por aí muitos Esmifra-Contribuintes: os CGTP's e não só...
    -> «strong>Os Esmifra-Contribuintes não querem que seja retirado poder aos políticos!!!...«/strong> De facto, os Esmifra-Contribuintes querem obter reivindicações junto dos políticos... e... não querem que a correspondente actuação dos políticos... seja supervisionada pelo contribuinte.
    .
    .
    P.S.
    Os Esmifra-Contribuintes CGTP's apresentam propostas/reivindicações de aumentos - e não - propostas de orçamentos!... Leia-se: face a uma entidade pagadora em deficit (leia-se Estado)... eles querem/queriam mais dinheiro não importa vindo de onde... leia-se, jubilavam quando os aumentos vinham... e... varriam para debaixo do tapete o facto da entidade pagadora ter necessidade de pedir dinheiro emprestado a (perigosos) especuladores, e necessidade de vender activos...

    ResponderEliminar
  63. -> O supervisionador do BPN (vulgo Vítor Constâncio) assegurava que estava tudo bem... depois foi o que se viu...
    -> O FMI defendeu que banca cipriota era sólida (supervisionadores à Constâncio)... depois foi o que se viu...
    .
    .
    -> Pessoal que anda por aí a apregoar aos sete ventos... que o FEDERALISMO (nota: implosão de soberanias) é a solução necessária... para que a Europa não caia num caos económico: é PRECISAMENTE o pessoal que, no passado, andou a apregoar «há mais vida para além do deficit»!
    Este pessoal [marionetas ao serviço da superclasse (alta finança - capital global)] sabia, muito bem, que contrair endividamento... esperando um crescimento económico perpétuo... era uma RATOEIRA!...
    .
    -> Anda por aí muito político cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse (alta finança - capital global).
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos (*) - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo!
    .
    .
    (*) Países em vias de 'Detroitização'... pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit.

    ResponderEliminar
  64. OS 'CAVA-BURACOS'
    .
    -> O supervisionador do BPN (vulgo Vítor Constâncio) assegurava que estava tudo bem... depois foi o que se viu... {nota: o BPN ultrapassou fronteiras... foi um 'golpe' a nível internacional}
    -> O FMI defendeu que banca cipriota era sólida (supervisionadores à Constâncio)... depois foi o que se viu...
    -> Mais: Islândia... etc.
    .
    -> Tendo em vista um caos financeiro/económico... a superclasse (alta finança - capital global) actua fortemente em dois sectores:
    1- 'cava-buracos' nas contas públicas {veja-se, por exemplo, a forma como o Goldman Sachs ocultou a dívida grega};
    2- 'cava-buracos' na banca...
    .
    .
    P.S.1.
    Existem por aí muitos Esmifra-Contribuintes: os CGTP's e não só... {apresentam propostas/reivindicações de aumentos - e não - propostas de orçamentos... leia-se: querem mais dinheiro não importa vindo de onde...}
    Os Esmifra-Contribuintes são uns IDIOTAS ÚTEIS ao serviço da superclasse (alta finança - capital global).
    Tal como a superclasse (alta finança - capital global), os Esmifra-Contribuintes não querem que seja retirado poder aos políticos!!!...De facto, os Esmifra-Contribuintes (CGTP´s e outros...) querem obter reivindicações junto dos políticos... e... não querem que a correspondente actuação dos políticos... seja «a href="http://concorrenciaaserio.blogspot.pt/2013/03/manifestacoes-em-todo-o-pais.html">supervisionada«/a> pelo contribuinte.
    .
    .
    P.S.2.
    Anda por aí muito político cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse (alta finança - capital global).
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo!

    ResponderEliminar
  65. OS 'CAVA-BURACOS'
    .
    -> O supervisionador do BPN (vulgo Vítor Constâncio) assegurava que estava tudo bem... depois foi o que se viu... {nota: o BPN foi MAIS UM GOLPE COADJUVADO INTERNACIONALMENTE... entre outros... }
    -> O FMI defendeu que banca cipriota era sólida (supervisionadores à Constâncio)... depois foi o que se viu...
    -> Mais: Islândia... etc.

    ResponderEliminar
  66. -> Indignação patética por motivos óbvios: será que não sabem aquilo que tem acontecido no planeta?!?!?
    -> Será que não sabem que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) são muito perigosos?!?!?
    -> Será que não sabem que É MUITO PERIGOSO estar a dar tempo aos 'globalization-lovers'?!?!?
    .
    .
    Nota:
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) fizeram aos nativos norte-americanos: houve Identidades Autóctones que sofreram um Holocausto Massivo;
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) estão a fazer no Brasil aos nativos da Amazónia;
    - etc.
    .
    .
    P.S.
    Anda por aí muito político cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse (alta finança - capital global):
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo!
    .
    P.S.2.
    Não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    Mais: é necessário uma coligação internacional de defesa [tipo NATO] de povos autóctones... face aos perigosos 'globalization-lovers' - que buscam de forma incessante pretextos para negar o Direito à sobrevivência de outros...
    [obs: desde que exista o - legítimo - Direito ao Separatismo... os 'globalization-lovers' que fiquem na sua!]

    ResponderEliminar
  67. MARIONETAS AOS SERVIÇO DA SUPERCLASSE (alta finança - capital global) falam de novo governo, de remodelações governamentais, de novas eleições, etc... mas não falam... da necessidade 'cortar' com as regras da superclasse!...
    .
    -> A superclasse pretende 'cozinhar' as condições que são do interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos(*) - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    (*) -> Países em vias de 'Detroitização'... pode-se ver, por exemplo, «a href="http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/02/entre-balas-sofa-e-gasolina.html">«aqui»«/a> o "paraíso" que é Detroit.
    {uma nota: anda por aí muito político cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse (alta finança - capital global)}
    .
    Manobrando as suas marionetas... a superclasse (alta finança - capital global) 'cava-buracos' nas finanças públicas, na banca... e... quer pôr o contribuinte a tapar os buracos por si cavados!
    O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de 'cavar-buracos' e saquear contribuintes de vários países... a superclasse quer saquear o contribuinte alemão.
    .
    .
    Para 'cortar' com as regras da superclasse (alta finança - capital global), há que:
    1-> retirar poderes aos políticos (e um sistema menos permeável a lobbys); alguns exemplos:
    i) Auto-estradas 'olha lá vem um', nacionalização de negócios "madoffianos" (ex: BPN), etc… como é óbvio, o Contribuinte tem de defender-se: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].
    ii) Político armado em 'milagreiro económico', é político que quer carta branca para pedir empréstimos...
    Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma Espiral Recessiva: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!
    Será necessário uma campanha para motivar os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    2-> quando existe um buraco financeiro num banco... devem ser chamados a participar os accionistas, os obrigacionistas e os depositantes... e não... o contribuinte.
    Contrariando os interesses da superclasse, deve existir uma Banca pública forte... por motivos óbvios: É MUITO MAIS FÁCIL DE CONTROLAR um ou outro abuso de um gestor público... do que... os buracos (sem fim à vista) 'cavados' pela alta-finança (capital global).
    .
    3-> garantir o Direito à Sobrevivência das Identidades Autóctones... ou seja: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), há que mobilizar aqueles nativos europeus que possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    [obs: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]

    ResponderEliminar
  68. -> O contribuinte não nasceu ontem... leia-se: o contribuinte tem a obrigação de saber que a alta finança (capital global) pretende 'cavar-buracos'... e pretende manobrar plolíticos...

    ResponderEliminar
  69. BADALHOCOS (ex: alguns cristãos)... estão contra o casamento e a adopção aos casais homossexuais... e depois, em simultâneo (!?!?!)... promovem a NATURALIZAÇÃO de pessoal (ex: islâmicos) que reprime os Direitos das mulheres [«a href="http://tabusexo.blogspot.com/">mulheres tratadas como uns 'úteros ambulantes'«/a>] com o objectivo de alcançar uma vantagem competitiva demográfica... argumentando que se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica dos islâmicos para resolver o deficit demográfico na Europa!?!?!

    ResponderEliminar
  70. -> José Sócrates é mais uma marioneta ao serviço da superclasse (alta finança - capital global)... e existe mais que fazer do que estar a perder tempo com marionetas... leia-se: há que CORTAR COM AS REGRAS da superclasse.

    ResponderEliminar
  71. Cortar com as regras da superclasse (alta finança - capital global)... leia-se: FIM-DA-CIDADANIA-INFANTIL e SEPARATISMO-50-50!
    .
    .
    A FIRMEZA DO CONTRIBUINTE ALEMÃO (não cedendo à pressão vinda da imprensa - marioneta da superclasse) É FUNDAMENTAL PARA SALVAR A EUROPA
    .
    .
    -> Depois de andar a 'cavar-buracos' um pouco por todo o lado (nas finanças públicas, na banca)... a superclasse (alta finança - capital global) quer pôr o contribuinte a tapar os buracos por si cavados!
    -> Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a>
    .
    -> O discurso anti-austeridade que circula por aí... pressupõe a existência de alguém que vai pagar/suportar o deficit... e já existe um alvo escolhido: o contribuinte alemão.
    .
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de 'cavar-buracos' e saquear contribuintes de vários países... a superclasse quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão vinda da imprensa - marioneta da superclasse) é fundamental para salvar a Europa.
    .
    Uma nota: contrariando os interesses da superclasse, deve existir uma Banca pública forte... por motivos óbvios: É MUITO MAIS FÁCIL DE CONTROLAR um ou outro abuso de um gestor público... do que... os buracos (sem fim à vista) 'cavados' pela alta-finança (capital global).
    .
    .
    P.S.
    A superclasse pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político - marioneta da superclasse - cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse}
    .
    P.S.2.
    Para 'cortar' com as regras da superclasse (alta finança - capital global), há que:
    1-> retirar poderes aos políticos (um sistema menos permeável a lobbys), e implementar uma maior supervisão do contribuinte... ver blog: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">FIM-DA-CIDADANIA-INFANTIL«/a>" ;.
    2-> garantir o Direito à Sobrevivência das Identidades Autóctones... ou seja: não sejamos uns 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo), há que mobilizar aqueles nativos que possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência [nota: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]... ver blog "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>".

    ResponderEliminar
  72. A inscrever numa REVISÃO CONSTITUCIONAL:
    - «strong>retirar poderes aos políticos«/strong> (um sistema menos permeável a lobbys), e implementar uma maior supervisão feita pelo contribuinte... ver blog: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">FIM-DA-CIDADANIA-INFANTIL«/a>".

    ResponderEliminar
  73. -> A superclasse pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político - marioneta da superclasse - cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse}
    .
    Manobrando as suas marionetas... a superclasse (alta finança - capital global) 'cava-buracos' nas finanças públicas, na banca... e... quer pôr o contribuinte a tapar os buracos por si cavados!
    O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de 'cavar-buracos' e saquear contribuintes em vários países... a superclasse quer saquear o contribuinte alemão.
    ---> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão vinda da imprensa - marioneta da superclasse) é fundamental para salvar a Europa.
    .
    .
    Para 'cortar' com as regras da superclasse (alta finança - capital global), há que:
    1-> retirar poderes aos políticos (um sistema menos permeável a lobbys); alguns exemplos:
    i) Auto-estradas 'olha lá vem um', nacionalização de negócios "madoffianos" (ex: BPN), etc… como é óbvio, o Contribuinte tem de defender-se: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].
    ii) Político armado em 'milagreiro económico', é político que quer carta branca para pedir empréstimos...
    Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma Espiral Recessiva: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!
    Será necessário uma campanha para motivar os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    2-> chamar a participar (nota: quando existe um buraco financeiro num banco...) os accionistas, os obrigacionistas e os depositantes... e não... o contribuinte.
    Contrariando os interesses da superclasse, deve existir uma Banca pública forte... por motivos óbvios: É MUITO MAIS FÁCIL DE CONTROLAR um ou outro abuso de um gestor público... do que... os buracos (sem fim à vista) 'cavados' pela alta-finança (capital global).
    .
    3-> garantir o Direito à Sobrevivência das Identidades Autóctones... ou seja: há que mobilizar aqueles nativos que possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência [nota 1: os 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) que fiquem na sua...; nota 2: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]... ver blog "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>".

    ResponderEliminar
  74. É PRECISO 'CORTAR' COM AS REGRAS DA SUPERCLASSE (alta finança - capital global)
    .
    .
    A superclasse pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: estão a ser criadas as condições para uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político - marioneta ao serviço da superclasse - cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse}
    .
    .
    Para 'cortar' com as regras da superclasse (alta finança - capital global) há que:
    -1- REDUZIR O PODER DOS POLÍTICOS e uma maior supervisão exercida pelo Contribuinte [um sistema menos permeável a lobbys]:
    i) o Contribuinte deve poder defender-se: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>";
    ii) votar em políticos não é passar um 'cheque em branco'... pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos... leia-se: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    {ver blog Fim-da-Cidadania-Infantil}
    -2- garantir o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA DAS IDENTIDADES AUTÓCTONES... ou seja: há que mobilizar aqueles nativos que possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência [nota 1: os 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) que fiquem na sua...; nota 2: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]... e... "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>".
    {ver blog Separatismo-50-50}
    .
    .
    .
    P.S.
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de andar a 'cavar-buracos' (nas finanças públicas e na banca) e andar a saquear contribuintes em vários países... a superclasse (alta finança - capital global) quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa.

    ResponderEliminar
  75. Democracia Representativa... sim mas... com uma REDUÇÃO DO PODER DOS POLÍTICOS e uma MAIOR SUPERVISÃO exercida pelo Contribuinte [um sistema menos permeável a lobbys]!
    .
    De facto, não é muito difícil de perceber que é um imperativo... retirar poderes aos políticos; alguns exemplos:
    1- Auto-estradas 'olha lá vem um', nacionalização de negócios "madoffianos" (ex: BPN), etc… anda por aí muito pessoal a querer mandar naquilo que não é seu - o dinheiro dos contribuintes - consequentemente, como é óbvio, o Contribuinte tem de defender-se: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].
    .
    2- Político armado em 'milagreiro económico', é político que quer carta branca para pedir empréstimos...
    -> Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma ESPIRAL RECESSIVA: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!
    -> Será necessário uma campanha para motivar os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "O Direito ao Veto de quem paga", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    3- A participação do Banco Público, CGD, nas negociações de «a href="http://www.tvi24.iol.pt/economia---dinheiro-pessoal/cartel-banca-cartel-nos-bancos-bancos-buscas-barclays/1428118-6378.html">Cartelização da Banca«/a>.... vem reforçar aquilo que já se sabia: existe por aí muito político cujo 'trabalhinho' é abrir oportunidades para a superclasse (alta finança - capital global):
    - caos nas finanças públicas;
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    Resumindo: os políticos não podem continuar a ter o poder de nomear directamente os gestores das empresas estratégicas (ex: água, e outras a definir)... leia-se, deve existir um CONCURSO PÚBLICO de gestores... sim mas e... embora seja o governo a escolher a equipa gestora vencedora do concurso público... todavia, deve existir a obrigatoriedade de partilhar informação... no sentido de que o contribuinte possa acompanhar o andamento do concurso público.
    .
    .
    P.S.
    -> Pessoal (agora) indignado com os actuais índices económicos... todavia, no entanto, não se indignaram com o facto de SER MUITO PERIGOSO o governo de Sócrates (e outros governos) andarem a pedir 'mil milhões' às carradas.
    {pois é, também se tem de pensar em pagar}
    -> Anda por aí muita conversa que visa o perpetuar/eternizar da parolização do contribuinte: queda de governos semestre sim, semestre sim,... leia-se, 'mudar as moscas'... ficando o sistema inalterável (vira o disco e toca o mesmo): um sistema aonde os lobbys manobram sempre a seu belo prazer... e... aonde, ao passarem a «ex-», os governantes terão belos 'tachos' à sua espera.

    ResponderEliminar
  76. Anda por aí muito infiltrado... lançando uma 'cortina de fumo' para que não seja visto um contexto mais correcto:
    ->>> É muito perigoso estar a dar tempo aos 'globalization-lovers'... de facto, a História mostra, muito claramente, que os 'globalization-lovers' (anti-Identidades Autóctones) são muito muito perigosos:
    - veja-se o que os 'globalization-lovers' (anti-Identidades Autóctones) brasileiros fazem/fizeram aos nativos brasileiros...
    - veja-se o que os 'globalization-lovers' (anti-Identidades Autóctones) U.S.A fazem/fizeram aos índios nativos... [nota: houve tribos nativas que foram alvo de um Holocausto Massivo];
    - mais, os 'globalization-lovers' (anti-Identidades Autóctones) buscam de forma incessante pretextos para negar o Direito à sobrevivência de outros...
    .
    Mais:
    - A superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político - marioneta ao serviço da superclasse - cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse}
    .
    Uma nota:
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de andar a 'cavar-buracos' (nas finanças públicas e na banca) e andar a saquear contribuintes em vários países... a superclasse (alta finança - capital global) quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa.
    .
    .
    --->>> Resumindo: para garantir o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA DAS IDENTIDADES AUTÓCTONES... há que mobilizar aqueles nativos que possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência [nota 1: os 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) que fiquem na sua...; nota 2: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]... e... "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>".
    {ver blog Separatismo-50-50}
    [uma obs: é necessário uma coligação internacional de defesa (tipo NATO) de povos autóctones... face aos perigosos 'globalization-lovers' - que buscam de forma incessante pretextos para negar o Direito à sobrevivência de outros...]

    ResponderEliminar
  77. {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, implosão da identidade autóctone, etc...}

    ResponderEliminar
  78. Opções para Portugal sair da crise... são atitudes conjunturais...
    .
    É preciso uma ATITUDE ESTRUTURAL:
    -> uma REDUÇÃO DO PODER DOS POLÍTICOS e uma MAIOR SUPERVISÃO exercida pelo Contribuinte [um sistema menos permeável a lobbys]!
    .
    De facto, não é muito difícil de perceber que é um imperativo... retirar poderes aos políticos; alguns exemplos:
    1- Auto-estradas 'olha lá vem um', estádios de futebol sem público, nacionalização de negócios "madoffianos" (ex: BPN), etc, etc… ora, como é óbvio, o Contribuinte tem de defender-se: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" [blog 'fim-da-cidadania-infantil'].
    .
    2- Político armado em 'milagreiro económico', é político que quer carta branca para pedir empréstimos...
    -> Contrair dívida (para isto, ou para aquilo) pode conduzir a uma Espiral Recessiva: o aumento de impostos para pagar a Dívida Pública... provoca uma diminuição do consumo... o que provoca um abrandamento do crescimento económico... o que, por sua vez, conduz a uma diminuição da receita fiscal!
    Por outras palavras: pedir dinheiro emprestado é um assunto demasiado sério para ser deixado aos políticos!!!
    -> Será necessário uma campanha para motivar os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos (Democracia Representativa), sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'!... Leia-se, para além do "O Direito ao Veto de quem paga", é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    .
    Uma nota:
    -> 'Paladinos' do discurso anti-austeridade... ESTIVERAM CALADOS que nem um rato quando os Estados andavam a endividar-se na construção de auto-estradas 'olha lá vem um', estádios de futebol sem público, nacionalização de bancos falidos, etc, etc...
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de andar a 'cavar-buracos' (nas finanças públicas e na banca) e andar a saquear contribuintes em vários países... a superclasse (alta finança - capital global) quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa.
    .
    .
    P.S.
    -> A superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, implosão da identidade autóctone, etc}
    .
    .
    P.S.2.
    Para 'cortar' com as regras da superclasse (alta finança - capital global) há que:
    -1- REDUZIR O PODER DOS POLÍTICOS e uma maior supervisão exercida pelo Contribuinte [um sistema menos permeável a lobbys]: "O Direito ao Veto de quem paga".
    {ver blog Fim-da-Cidadania-Infantil}
    -2- garantir o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA DAS IDENTIDADES AUTÓCTONES... ou seja: antes que seja tarde demais, "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>".
    [nota 1: os 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) que fiquem na sua...; nota 2: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]
    {ver blog Separatismo-50-50}

    ResponderEliminar
  79. -> Um caos organizado por alguns - a superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, implosão da identidade autóctone, etc}
    .
    .
    -> 'Paladinos' do discurso anti-austeridade... ESTIVERAM CALADOS que nem um rato quando os Estados andavam a endividar-se na construção de auto-estradas 'olha lá vem um', estádios de futebol sem público, nacionalização de bancos falidos, etc, etc...
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de andar a 'cavar-buracos' (nas finanças públicas e na banca) e andar a saquear contribuintes em vários países... a superclasse (alta finança - capital global) quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa.
    { Nota: Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a> }

    ResponderEliminar
  80. -> 'Paladinos' do discurso anti-austeridade... ESTIVERAM CALADOS que nem um rato... ignorando o perigo que era os Estados andavam a endividar-se na construção de auto-estradas 'olha lá vem um', estádios de futebol sem público, nacionalização de bancos falidos, etc, etc...

    ResponderEliminar
  81. -> Anda por aí muita conversa de «Orgulhoso Imbecil»... leia-se, os IMBECIS MILITANTES: os PNR's (e afins; ex: FN) 'ortodoxos/inflexíveis'... já deveriam de saber - há muito tempo - que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) são muito perigosos... e que... É MUITO PERIGOSO estar a dar tempo aos 'globalization-lovers'!...
    .
    .
    Nota:
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) fizeram aos nativos norte-americanos: houve Identidades Autóctones que sofreram um Holocausto Massivo;
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de I.A.) estão a fazer no Brasil aos nativos da Amazónia;
    - etc.
    .
    .
    Uma obs: para além (antes que seja tarde demais) do "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50«/a>"... é necessário uma coligação internacional de defesa (tipo NATO) de povos autóctones... face aos perigosos 'globalization-lovers' - que buscam de forma incessante pretextos para negar o Direito à sobrevivência de outros...
    .
    .
    .
    .
    Nota 1: Muitos BADALHOCOS anti-sobrevivência de Identidades Autóctones... só tiveram acesso a determinadas oportunidades... porque à sua rectaguarda estavam de terminadas condições demográficas!...
    ---> Se as condições demográficas fossem outras... outro galo cantaria... veja-se um exemplo «a href="http://economico.sapo.pt/noticias/africa-do-sul-nao-admite-pilotoscadetes-brancos_150372.html">aqui«a>.
    .
    Nota 2: Os chineses são adeptos da filosofia made in USA: depois de se promover a sustituição dos autóctones... depois... hão-de querer referendar democraticamente o Direito - ou melhor, o NÃO Direito - à Sobrevivênciadas Identidades Autóctones...; um caso a acompanhar: o Tibete.

    ResponderEliminar
  82. Uma NAÇÃO é uma comunidade duma mesma matriz racial onde existe partilha laços de sangue, com um património etno-cultural comum. Uma PÁTRIA é a realização de uma Nação num espaço.
    .
    -> Para garantir o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA DAS IDENTIDADES AUTÓCTONES... há que mobilizar aqueles nativos que possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência [nota 1: os 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) que fiquem na sua...; nota 2: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]... e... "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>"
    {ver blog Separatismo-50-50}
    [uma obs: é necessário uma coligação internacional de defesa (tipo NATO) de povos autóctones... face aos perigosos 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) - que buscam de forma incessante pretextos para negar o Direito à sobrevivência de outros...]

    ResponderEliminar
  83. BADALHOCOS (alguns cristãos, e não só)... estão contra o casamento e a adopção aos casais homossexuais... e depois, em simultâneo (!?!?!)... promovem a NATURALIZAÇÃO de pessoal (ex: islâmicos) que reprime os Direitos das mulheres [ mulheres tratadas como uns 'úteros ambulantes' ] com o objectivo de alcançar uma vantagem competitiva demográfica... argumentando que se deve aproveitar a 'boa produção' demográfica dos islâmicos para resolver o deficit demográfico na Europa!?!?!
    Pelo Direito de ter filhos em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas [nomeadamente, o Direito a ser Pai Solteiro]: ver blog "A origem do TABÚ-SEXO".


    «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">"A origem do TABÚ-SEXO"«/a>.


    *

    A superclasse [alta finança] ambiciona cozinhar um caos que lhe interessa:
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    Manobras... enfiaram-nos num buraco: a Espiral recessiva...;
    O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (sob controlo da superclasse) é/era previsível: depois de andar a 'cavar-buracos' (nas finanças públicas e na banca) e saqueando ... a superclasse quer agora saquear o contribuinte alemão.
    {Conversa do mega-financeiro George Soros: «é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»}>>> Contrariando a superclasse: SEPARATISMO-50-50!!!

    ResponderEliminar
  84. Anexo:
    UMA QUESTÃO A LEVANTAR:
    - «strong>O Direito de ter filhos em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas!«/strong>
    .
    Ainda há parolos que acreditam em histórias da carochinha... mas há que assumir a realidade:
    - Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas apenas os «strong>machos mais fortes«/strong> é que possuem filhos.
    - No entanto, para conseguirem sobreviver, muitas sociedades tiveram necessidade de mobilizar/motivar os «strong>machos mais fracos«/strong> no sentido de eles se interessarem/lutarem pela preservação da sua Identidade!... De facto, analisando o Tabú-Sexo (nas Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas) chegamos à conclusão de que o verdadeiro objectivo do Tabú-Sexo era proceder à integração social dos machos sexualmente mais fracos; Ver «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">http://tabusexo.blogspot.com/«/a>.
    .
    Concluindo:
    - Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas é natural que sejam apenas os machos mais fortes a terem filhos, no entanto, as Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas têm de assumir a sua História: não podem continuar a tratar os machos sexualmente mais fracos como sendo o caixote do lixo da sociedade!... Assim sendo, nestas sociedades, numa primeira fase, deve ser possibilitada a existência de barrigas de aluguer {úteros artificiais - deve ser considerado uma Investigação Cientifica Prioritária!...} para que, nestas sociedades {a longo prazo} os machos (de boa saúde) rejeitados pelas fêmeas, possam ter filhos!
    .
    Nota 1: Incompetência sexual não significa inutilidade... de facto, os machos mais fracos já mostraram o seu valor: as sociedades tecnologicamente mais evoluídas... são sociedades tradicionalmente monogâmicas!
    .
    Nota 2: Hoje em dia, por um lado, muitas mulheres vão à procura de machos de maior competência sexual, nomeadamente, machos oriundos de sociedades tradicionalmente Poligâmicas: nestas sociedades apenas os machos mais fortes é que possuem filhos, logo, seleccionam e apuram a qualidade dos machos.
    Por outro lado, hoje em dia muitos machos das sociedades tradicionalmente Monogâmicas vão à procura de fêmeas Economicamente Fragilizadas [mais dóceis] oriundas de outras sociedades...

    ResponderEliminar
  85. A FIRMEZA DO CONTRIBUINTE ALEMÃO ESTÁ A SALVAR A EUROPA
    .
    -> A comunicação social [nota: é contolada pela superclasse] que ridicularizou os anti-endividamento (um exemplo: no passado, Manuela Ferreira Leite foi ridicularizada)... agora... procura retratar o contribuinte alemão como novos nazis...
    .
    -> Marionetas ao serviço da superclasse CAVAM BURACOS SEM FIM (nas finanças públicas, nas empresas públicas, na Banca)...
    -> Marionetas ao serviço da superclasse (alta finança - capital global) enfiaram-nos numa armadilha: a Espiral recessiva...
    -> 'Paladinos' do discurso anti-austeridade... ESTIVERAM CALADOS que nem um rato... ""ignorando"" o perigo que era os Estados andarem a endividar-se na construção de auto-estradas 'olha lá vem um', estádios de futebol sem público, nacionalização de bancos falidos, etc, etc...
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de andar a 'cavar-buracos'... e andar a saquear contribuintes em vários países... a superclasse (alta finança - capital global) quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa.
    { Nota: Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a> }
    .
    .
    P.S.
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, implosão da identidade autóctone, etc}

    ResponderEliminar
  86. A FIRMEZA DO CONTRIBUINTE ALEMÃO ESTÁ A SALVAR A EUROPA
    .
    ->>> Primeiro: Todos pudemos assistir a uma incrível e MONUMENTAL CAMPANHA no sentido de ridicularizar todos aqueles que eram contra o 'viver acima das possibilidades' - leia-se, campanha no sentido de ridicularizar todos aqueles que eram anti-endividamento excessivo -; um exemplo: no passado, Manuela Ferreira Leite foi ridicularizada...
    ->>> Depois: Hoje em dia, todos podemos assistir a uma incrível e MONUMENTAL CAMPANHA contra os defensores da austeridade; um exemplo: chegam a retratar o contribuinte alemão como novos nazis...
    .
    { nota: o resultado do endividamento excessivo está aí à vista: a superclasse (alta finança - capital global) assumiu o controlo de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água... }
    .
    -> Marionetas ao serviço da superclasse CAVAM BURACOS SEM FIM (nas finanças públicas, nas empresas públicas, na Banca)...
    -> Marionetas ao serviço da superclasse (alta finança - capital global) enfiaram-nos numa ratoeira: a Espiral recessiva...
    .
    -> 'Paladinos' do discurso anti-austeridade... ESTIVERAM CALADOS que nem um rato... ""ignorando"" o perigo que era os Estados andarem a endividar-se na construção de auto-estradas 'olha lá vem um', estádios de futebol sem público, nacionalização de bancos falidos, etc, etc...
    .
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de andar a 'cavar-buracos'... e andar a saquear contribuintes em vários países... a superclasse quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa.
    { Nota: Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a> }
    .
    .
    P.S.
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, IMPLOSÃO DA IDENTIDADE AUTÓCTONE, etc}
    .
    P.S.2.
    Para 'cortar' com as regras da superclasse (alta finança - capital global) há que:
    -1- REDUZIR O PODER DOS POLÍTICOS e uma maior supervisão exercida pelo Contribuinte [um sistema menos permeável a lobbys]: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>";
    {ver blog Fim-da-Cidadania-Infantil}
    -2- garantir o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA DAS IDENTIDADES AUTÓCTONES... ou seja: antes que seja tarde demais, "«a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50«/a>".
    [nota 1: os 'parvinhos-à-Sérvia' (vide Kosovo) que fiquem na sua...; nota 2: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa]
    {ver blog Separatismo-50-50}

    ResponderEliminar
  87. A FIRMEZA DO CONTRIBUINTE ALEMÃO ESTÁ A SALVAR A EUROPA
    .
    A técnica é a mesma:
    -> No passado, para 'deitar a luva' aos bens (ex: propriedades) de determinadas famílias... os usurários encitavam as famílias em causa a endividarem-se cada vez mais...
    -> No presente, para 'deitar a luva' aos bens dos países... os usurários encitam os governos a emitirem dívida e mais dívida...
    .
    -> Marionetas ao serviço da superclasse CAVAM BURACOS SEM FIM (nas finanças públicas, nas empresas públicas, na Banca)...
    -> O resultado do endividamento excessivo tem sido um festim para a superclasse (alta finança - capital global): a superclasse tem vindo a assumir o controlo de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    .
    ->>> Primeiro: Todos pudemos assistir a uma incrível e MONUMENTAL CAMPANHA no sentido de ridicularizar todos aqueles que eram contra o 'viver acima das possibilidades' - leia-se, campanha no sentido de ridicularizar todos aqueles que eram anti-endividamento excessivo -; um exemplo: no passado, Manuela Ferreira Leite foi ridicularizada por ser uma ministra anti-deficit-excessivo.
    ->>> Depois: Hoje em dia, todos podemos assistir a uma incrível e MONUMENTAL CAMPANHA contra os defensores da austeridade; um exemplo: chegam a retratar o contribuinte alemão como novos fascistas/nazis...
    .
    -> O discurso anti-alemão que reina nos media internacionais (nota: são controlados pela superclasse) é uma consequência óbvia: depois de andar a 'cavar-buracos'... e andar a saquear contribuintes em vários países... a superclasse quer saquear o contribuinte alemão.
    -> A firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa!
    .
    Nota 1: Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a>
    Nota 2: Como o contribuinte alemão está firme... o mega-financeiro George Soros defende agora «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_a_saida_da_alemanha_do_euro_teria_um_efeito_quase_miraculoso_para_os_paises_do_sul.html">um Euro sem a Alemanha«/a>... para que... a superclasse (alta finança - capital global) possa PROLONGAR O FESTIM proporcionado por países a endividar-se excessivamente (países a viverem acima das suas possibilidades).
    .
    .
    P.S.
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, IMPLOSÃO DA IDENTIDADE AUTÓCTONE, etc}

    ResponderEliminar
  88. Anda por aí muita conversa de CONTRIBUINTE PARVO
    .
    O CONTRIBUINTE PARVO e os parolizadores de contribuintes
    .
    .
    -> O Contribuinte Parvo INSISTE em dar 'carta branca' aos políticos... quando... a experiência mostra que os políticos honestos (que existem de facto!)... não dão, claramente, conta do recado!...
    .
    -> Os Parolizadores de Contribuintes (políticos e não só) falam em novo governo... blá, blá, novo governo... blá, blá, novo governo... [vulgo, 'vira-o-disco' e toca o mesmo: um sistema muito permeável a lobbys]... procurando desviar a conversa daquilo que é cada vez mais óbvio: quem paga (vulgo contribuinte) deve efectuar uma fiscalização cada vez mais eficaz das contas públicas!
    .
    --->>> É necessário uma campanha para motivar os contribuintes a participar... leia-se, votar em políticos, sim, mas... não lhes passar um 'cheque em branco'... leia-se: para além do «Direito ao Veto de quem paga» (ver blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>).... é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    .
    P.S.
    -> Todos pudemos assistir a uma incrível e monumental campanha [nota: a superclasse (alta finança - capital global) controla a comunicação social] no sentido de ridicularizar todos aqueles que eram/são contra o 'viver acima das possibilidades'... isto é, uma campanha no sentido de ridicularizar todos aqueles que eram/são anti-endividamento excessivo; um exemplo: no passado, Manuela Ferreira Leite foi ridicularizada por ser uma ministra anti-deficit-excessivo; e mais, chegam a retratar o contribuinte alemão (que recusa ser saqueado) como novos fascistas/nazis...
    -> O discurso de qualquer 'cão/gato' anti-austeridade tem logo direito a amplo destaque... [nota: a superclasse (alta finança - capital global) controla a comunicação social].
    --->>> Um afrouxamento no controlo rigoroso das contas públicas (fim da austeridade)... proporciona oportunidades para a superclasse (alta finança - capital global)... isto é, ou seja, com tal afrouxamento, a superclasse (e suas marionetas) passam a poder CAVAR BURACOS sem fim à vista: BPN's, PPP's, SWAP's, etc...
    .
    P.S.2.
    -> Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a>
    -> Como o contribuinte alemão está firme... o mega-financeiro George Soros defende agora «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_a_saida_da_alemanha_do_euro_teria_um_efeito_quase_miraculoso_para_os_paises_do_sul.html">um Euro sem a Alemanha«/a>... para que... a superclasse possa PROLONGAR O FESTIM proporcionado por países a endividar-se excessivamente (países a viverem acima das suas possibilidades).
    Nota: a firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa!!!
    .
    P.S.3.
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, IMPLOSÃO DA IDENTIDADE AUTÓCTONE, etc}

    ResponderEliminar
  89. --->>> O isolamento do ministro das finanças Vítor Gaspar pelos LOBBYS QUE SE CONSIDERAM OS DONOS DA DEMOCRACIA é um 'case study'.
    .
    .
    .
    P.S.
    -> Todos pudemos assistir a uma incrível e monumental campanha [nota: a superclasse (alta finança - capital global) controla a comunicação social] no sentido de ridicularizar todos aqueles que eram/são contra o 'viver acima das possibilidades' (um Estado a consomir mais do que aquilo que é produzido)... ou seja, ridicularizar todos aqueles que eram/são anti-endividamento excessivo; um exemplo: no passado, Manuela Ferreira Leite foi ridicularizada por ser uma ministra anti-deficit-excessivo; e mais, chegam a retratar o contribuinte alemão (que recusa ser saqueado) como novos fascistas/nazis...
    -> O discurso de qualquer 'cão/gato' anti-austeridade tem logo direito a amplo destaque... [nota: a superclasse controla a comunicação social].
    --->>> Um afrouxamento no controlo rigoroso das contas públicas (fim da austeridade)... proporciona oportunidades para a superclasse... isto é, ou seja, com tal afrouxamento, a superclasse (e suas marionetas) passam a poder 'CAVAR BURACOS' sem fim à vista: BPN's, PPP's, SWAP's, etc...
    .
    P.S.2.
    -> Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a>
    -> Como o contribuinte alemão está firme... o mega-financeiro George Soros defende agora «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_a_saida_da_alemanha_do_euro_teria_um_efeito_quase_miraculoso_para_os_paises_do_sul.html">um Euro sem a Alemanha«/a>... para... PROLONGAR O FESTIM proporcionado por países a endividar-se excessivamente (países a viverem acima das suas possibilidades).
    Nota: a firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa!!!
    .
    P.S.3.
    -> Aumentar as penas de prisão... não é solução: : a superclasse (alta finança - capital global) está dotada da capacidade de conduzir Estados à bancarrota... e... nenhum Estado falido possui a capacidade de implementar um sistema prisional eficiente!
    -> O contribuinte tem de actuar a montante: quem paga (vulgo contribuinte) deve ter acesso a mecanismos de fiscalização cada vez mais eficazes das contas públicas... ou seja... votar em políticos, sim, mas não lhes passar um 'cheque em branco'... leia-se: para além do «Direito ao Veto de quem paga» (ver blog «a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">«fim-da-cidadania-infantil»«/a>).... é urgente uma nova alínea na Constituição: o Estado só poderá pedir dinheiro emprestado nos mercados... mediante uma autorização expressa do contribuinte - obtida através da realização de um REFERENDO.
    .
    .
    .
    Anexo:
    -> Um caos organizado por alguns - a superclasse (alta finança - capital global) pretende 'cozinhar' as condições que são do seu interesse:
    - privatização de bens estratégicos: combustíveis... electricidade... água...
    - caos financeiro...
    - implosão de identidades autóctones...
    - forças militares e militarizadas mercenárias...
    resumindo: uma Nova Ordem a seguir ao caos - uma Ordem Mercenária: um Neofeudalismo.
    {uma nota: anda por aí muito político/(marioneta) cujo trabalhinho é 'cozinhar' as condições que são do interesse da superclasse: emissão de dívida e mais dívida, IMPLOSÃO DA IDENTIDADE AUTÓCTONE, etc}

    ResponderEliminar
  90. Uma NAÇÃO é uma comunidade duma mesma matriz racial onde existe partilha laços de sangue, com um património etno-cultural comum. Uma PÁTRIA é a realização de uma Nação num espaço.
    .
    .
    Os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) são uns nazis do piorio:
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) fizeram aos nativos norte-americanos: houve Identidades Autóctones que sofreram um Holocausto Massivo;
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) estão a fazer no Brasil aos nativos da Amazónia;
    - etc.
    Mais, para os 'globalization-lovers' made-in-USA as causas suficientes para desencadear uma guerra são quase infinitas!...
    .
    .
    Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    Os NAZIS 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) andam numa busca incessante de pretextos... para negar o Direito à sobrevivência das Identidades Autóctones.
    Os «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISTAS-50-50«/a> não têm um discurso de negação de Direito à sobrevivência... os separatistas-50-50 apenas reivindicam o Direito à Sobrevivência da sua Identidade: leia-se, os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa.
    .
    --->>> Resumindo e concluindo: «strong>antes que seja tarde demais«/strong>, há que mobilizar aquela minoria de nativos europeus que possui disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    .
    .
    .
    Anexo:
    -> Não é com um partido nacionalista que Portugal vai conseguir SOBREVIVER!...
    -> Para sobreviver Portugal precisa de um «strong>Movimento Nacionalista«/strong> que 'corte' (SEPARATISMO-50-50) com os «portugueses-do-prego» (leia-se, os portugueses que estão a colocar Portugal no prego).
    .
    De facto:
    - os portugueses-do-prego não defendem uma estratégia de renovação demográfica - média de 2.1 filhos por mulher; [nota: os portugueses-do-prego gostam de se armar em parvinhos-à-sérvia... vide Kosovo]
    - os portugueses-do-prego falam em despesa NÃO ENQUADRADA na riqueza produzida... e depois:
    1- vendem recursos estratégicos para a soberania... à alta-finança/capital-global;
    2- depois de conduzirem o país em direcção à bancarrota... começam a proclamar federalismo, federalismo, federalismo (leia-se, implosão da soberania).
    Mais, muitos portugueses-do-prego adoram evocar motivos... que 'justifiquem'... o fim de Portugal.

    ResponderEliminar
  91. Portugueses-do-Prego
    .
    .
    -> Não é com um partido nacionalista que Portugal vai conseguir SOBREVIVER!...
    -> Para sobreviver Portugal precisa de um «strong>Movimento Nacionalista«/strong> que 'corte' («a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50«/a>) com os «portugueses-do-prego» (leia-se, os portugueses que estão a colocar Portugal no prego).
    .
    De facto:
    - os portugueses-do-prego não defendem uma estratégia de renovação demográfica - média de 2.1 filhos por mulher; [nota: os portugueses-do-prego gostam de se armar em parvinhos-à-sérvia... vide Kosovo]
    - os portugueses-do-prego falam em despesa NÃO ENQUADRADA na riqueza produzida... e depois:
    1- vendem recursos estratégicos para a soberania... à alta-finança/capital-global;
    2- depois de conduzirem o país em direcção à bancarrota... começam a proclamar federalismo, federalismo, federalismo (leia-se, implosão da soberania).
    Mais, muitos portugueses-do-prego adoram evocar motivos... que 'justifiquem'... o fim de Portugal.
    .
    .
    .
    P.S.1:
    Uma NAÇÃO é uma comunidade duma mesma matriz racial onde existe partilha laços de sangue, com um património etno-cultural comum. Uma PÁTRIA é a realização de uma Nação num espaço.
    .
    P.S.2.
    Os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) são uns nazis do piorio:
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) fizeram aos nativos norte-americanos: houve Identidades Autóctones que sofreram um Holocausto Massivo;
    - veja-se o que os 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) estão a fazer no Brasil aos nativos da Amazónia;
    - etc.
    Mais, para os 'globalization-lovers' made-in-USA as causas suficientes para desencadear uma guerra são quase infinitas!...
    .
    P.S.3.
    Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    Os NAZIS 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) andam numa busca incessante de pretextos... para negar o Direito à sobrevivência das Identidades Autóctones.
    Os «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISTAS-50-50«/a> não têm um discurso de negação de Direito à sobrevivência... os separatistas-50-50 apenas reivindicam o Direito à Sobrevivência da sua Identidade: leia-se, os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa.

    ResponderEliminar
  92. --->>> Com um MINISTRO DAS FINANÇAS RIGOROSO não teria sido 'enfiado' ao contribuinte a nacionalização do BPN, a nacionalização de sistemas piramidais em ruptura acelerada, PPP's, SWAP's, etc...
    .
    -> Os lobbys que se consideram os donos da democracia - os 'cavadores de buracos' -, com os seus infiltrados em todo o lado (sim, em todo o lado!), isolam e atacam todo e qualquer ministro que queira ser rigoroso, e que não lhes dê abébias para andar a 'cavar buracos' sem fim à vista...
    - Obs. 1: Manuela Ferreira Leite (quando era ministra das finanças) quis impor algum rigor nas finanças públicas... consequência: os 'cavadores de buracos' puseram o país inteiro a cantarolar a cantiga «Há vida para além do deficit».
    - Obs 2: ao querer impor um certo rigor... o ministro das finanças Vítor Gaspar foi isolado (e atacado por todos os lados) pelos 'cavadores de buracos'.
    .
    .
    O CONTRIBUINTE TEM QUE SE DAR AO TRABALHO!
    -> São raros os ministros que possuem a capacidade de resistência do ministro Vítor Gaspar... leia-se: O CONTRIBUINTE TEM DE AJUDAR NO COMBATE OS LOBBYS QUE SE CONSIDERAM OS DONOS DA DEMOCRACIA!
    -> Por um sistema menos permeável a lobbys, os políticos deverão ser obrigados a fazer uma gestão transparente para/perante cidadãos atentos... leia-se, temos de pensar em bons mecanismos de controlo... um exemplo: "«a href="http://fimcidadaniainfantil.blogspot.com/">O Direito ao Veto de quem paga«/a>" (vulgo contribuinte): ver blog 'fim-da-cidadania-infantil'.
    .
    .
    P.S.1.
    Um erro numa folha de cálculo - num estudo que defende a implementação de medidas de austeridade - foi considerado pela comunicação social (nota: é controlada pela superclasse: alta finança - capital global) como um erro gravíssimo de consequências bíblicas.
    Uma errata publicada posteriormente, que corrigiu alguns valores... mas que, todavia, no entanto, MANTEVE A CONCLUSÃO FINAL INTACTA... foi... ignorada pela pela comunicação social?!?!?!
    .
    P.S.2.
    Não é difícil de ver que as pensões de reforma são um «sistema piramidal» que carece de sustentabilidade...
    As pensões de reforma dos bancários estavam numa situação pior: eram um sistema piramidal em ruptura acelerada... resultado: o sistema piramidal dos bancários (em ruptura acelerada) foi 'enfiado' ao contribuinte...
    Obs 1: É preciso ter uma grande cara de pau: depois de ter 'enfiado' o sistema piramidal (em ruptura acelerada) ao contribuinte... o banqueiro Ricardo Salgado aparece com a conversa: «a href="http://www.vox.com.pt/noticia-detalhe-media.asp?id=933751&t=Ricardo-Salgado:-Corte-nas-reformas-%E9-%ABterr%EDvel%BB">«Corte nas reformas é terrível»«/a>!?!?!
    .
    P.S.2.
    -> Depois de 'cozinhar' o caos... a superclasse aparece com um discurso, de certa forma, já esperado!... Exemplo: veja-se a conversa do mega-financeiro George Soros: «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_defende_ministeacuterio_das_financcedilas_europeu_para_evitar_uma_grande_depressatildeo.html">«é preciso um Ministério das Finanças europeu, com poder para decretar impostos e para emitir dívida»«/a>
    -> Como o contribuinte alemão está firme (nota: não quer ser saqueado), o mega-financeiro George Soros defende agora «a href="http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/soros_a_saida_da_alemanha_do_euro_teria_um_efeito_quase_miraculoso_para_os_paises_do_sul.html">um Euro sem a Alemanha«/a>... para assim... PROLONGAR O FESTIM proporcionado por países a endividar-se excessivamente (países a viverem acima das suas possibilidades).
    Nota: a firmeza do contribuinte alemão (não cedendo à pressão exercida internacionalmente...) é fundamental para salvar a Europa!

    ResponderEliminar
  93. É UMA MUDANÇA ESTRUTURAL HISTÓRICA DA SOCIEDADE:
    - os homens poderão ter filhos... sem repressão dos Direitos das mulheres... e independentemente de agradarem ou não às mulheres!... Leia-se: O ACESSO A 'BARRIGAS DE ALUGUER'...
    .
    -> Ponto nº 1:
    Quando se fala em Direitos das crianças... há que ver o seguinte: muitas crianças (de boa saúde) hão-de querer ter a oportunidade de vir a ser pais... oportunidade essa que lhes é negada pela 'via normal'.
    -> Ponto nº 2:
    Idealmente, uma criança deveria estar sempre acompanhada do pai e da mãe... ora, como é óbvio... não se pode proibir às pessoas que têm filhos o Direito ao divórcio.
    -> Ponto nº 3:
    Deve existir Igualdade de Direitos: actualmente as 'famílias monoparentais de pai'... são ínfimas em relação às 'famílias monoparentais de mãe'...
    .
    .
    NOTA:
    - Muitas mulheres heterossexuais não querem ter o trabalho de criar filhos... querem 'gozar' a vida.
    - Muitos homens heterossexuais não querem ter o trabalho de criar filhos... querem 'gozar' a vida.
    --->>> Conclusão: é ERRADO estar a dizer (como já alguém disse) «a Europa PRECISA DE CRIANÇAS, NÃO DE HOMOSSEXUAIS!»... isto é, ou seja... a Europa precisa de pessoas (homossexuais e heterossexuais) com disponibilidade para criar crianças!!!
    .
    .
    .
    Anexo:
    - «strong>O Direito de ter filhos em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas!«/strong>
    .
    Ainda há parolos que acreditam em histórias da carochinha... mas há que assumir a realidade:
    -> Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas apenas os «strong>machos mais fortes«/strong> é que possuem filhos.
    -> No entanto, para conseguirem sobreviver, muitas sociedades tiveram necessidade de mobilizar/motivar os «strong>machos mais fracos«/strong> no sentido de eles se interessarem/lutarem pela preservação da sua Identidade!... De facto, analisando o Tabu-Sexo (nas Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas) chegamos à conclusão de que o verdadeiro objectivo do Tabú-Sexo era proceder à integração social dos machos sexualmente mais fracos; Ver o blog «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">http://tabusexo.blogspot.com/«/a>.
    .
    Concluindo:
    - Nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas é natural que sejam apenas os machos mais fortes a terem filhos, no entanto, as Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas têm de assumir a sua História: não podem continuar a tratar os machos sexualmente mais fracos como sendo o caixote do lixo da sociedade!... Assim sendo, nestas sociedades, numa primeira fase, deve ser possibilitada a existência de barrigas de aluguer [a longo prazo poderão vir a existir mesmo úteros artificiais] para que, nestas sociedades os machos (de boa saúde) rejeitados pelas fêmeas, possam ter filhos!
    .
    .
    P.S.1.
    Com o fim do tabu-sexo:
    - a percentagem de machos sem filhos aumentou imenso nas sociedades tradicionalmente monogâmicas.
    .
    P.S.2.
    Com o fim do tabu-sexo:
    - por um lado, muitas mulheres das sociedades tradicionalmente monogâmicas vão à procura de machos de maior competência sexual, nomeadamente, machos oriundos de sociedades tradicionalmente Poligâmicas: nestas sociedades apenas os machos mais fortes é que possuem filhos, logo, seleccionam e apuram a qualidade dos machos;
    - por outro lado, muitos machos das sociedades tradicionalmente Monogâmicas vão à procura de fêmeas Economicamente Fragilizadas [mais dóceis] oriundas de outras sociedades.

    ResponderEliminar
  94. -> Mesmo depois de já terem sido estoirados mais de 200 mil milhões em endividamento... os 'patrioteiros-do-prego' (leia-se, os portugueses que estão a colocar Portugal no prego) continuam a falar em mais e mais despesa... NÃO ENQUADRADA na riqueza produzida!?!?!
    .
    -> Mais, para os 'patrioteiros-do-prego' já se vislumbra uma luz ao fim do túnel: "implosão da soberania, ou o caos" - federalismo...
    -> E mais, os 'patrioteiros-do-prego' não defendem uma estratégia de renovação demográfica (média de 2.1 filhos por mulher) - os 'patrioteiros-do-prego' gostam de se armar em parvinhos-à-sérvia [vide Kososvo]: dizem que a 'solução' está na naturalização de outros...
    {nota: : os separatistas-50-50 não têm nada contra os 'globalization-lovers'... leia-se: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa}
    {mais uma nota: uma NAÇÃO é uma comunidade duma mesma matriz racial onde existe partilha laços de sangue, com um património etno-cultural comum. Uma PÁTRIA é a realização de uma Nação num espaço}
    .
    .
    SE NÃO CORTAR COM OS 'PATRIOTEIROS-DO-PREGO', PORTUGAL NÃO VAI CONSEGUIR SOBREVIVER... concluindo, «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>.
    .
    OBS:
    - Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    - Os NAZIS 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) andam numa busca incessante de pretextos... para negar o Direito à sobrevivência das Identidades Autóctones.
    - Pelo contrário, os «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISTAS-50-50«/a> não têm um discurso de negação de Direito à sobrevivência de outros... os separatistas-50-50 apenas reivindicam o Direito à Sobrevivência da sua Identidade!
    {nota: há que mobilizar os nativos... que... possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência}

    ResponderEliminar
  95. --->>> Sem corte com os 'patrioteiros-do-prego'... não há sobrevivência!
    --->>> Não é com um partido nacionalista que Portugal vai conseguir SOBREVIVER!...
    .
    -> De facto, não faz sentido os nacionalistas estarem a concorrer com 'patrioteiros-do-prego' {leia-se, os portugueses que estão a colocar Portugal no prego} que votam em (escolhem) Comissões Liquidatárias [ex: PS, PSD, PCP, etc]!
    .
    .
    Assuntos que não interessam aos 'patrioteiros-do-prego' (e às Comissões Liquidatárias):
    1- uma sociedade dotada da capacidade da capacidade de renovação demográfica (média de 2.1. filhos por mulher) - as Comissões Liquidatárias preferem 'naturalizações' [nota: os 'patrioteiros-do-prego' gostam de se armar em parvinhos-à-sérvia (vide Kososvo)];
    2- recursos estratégicas para a soberania em mãos nacionais - as Comissões Liquidatárias vendem empresas estratégias à alta finança (capital global);
    3- dívida pública moderada/(sob controlo) - as Comissões Liquidatárias (e os 'patrioteiros-do-prego'), mesmo depois de já terem sido estoirados mais de 200 mil milhões em endividamento, continuam a falar em mais e mais despesa... NÃO ENQUADRADA na riqueza produzida!?!?!... Nota: para os 'patrioteiros-do-prego' já se vislumbra uma luz ao fim do túnel: "implosão da soberania, ou o caos" - federalismo...
    .
    .
    {nota: : os separatistas-50-50 não têm nada contra os 'globalization-lovers'... leia-se: os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa}
    {mais uma nota: uma NAÇÃO é uma comunidade duma mesma matriz racial onde existe partilha laços de sangue, com um património etno-cultural comum. Uma PÁTRIA é a realização de uma Nação num espaço}
    .
    .
    SE NÃO CORTAR COM OS 'PATRIOTEIROS-DO-PREGO', PORTUGAL NÃO VAI CONSEGUIR SOBREVIVER... resumindo e concluindo, «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    .
    OBS:
    - Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    Nota: é mais fácil apanhar um nazi do que um coxo -> os nazis desmultiplicam-se na busca de pretextos... para negar o Direito à Sobrevivência de outros... um exemplo: os nazis 'globalization-lovers'/(anti-sobrevivência de Identidades Autóctones) buscam pretextos... para negar o Direito à sobrevivência das Identidades Autóctones.
    - Pelo contrário, os «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISTAS-50-50«/a> não têm um discurso de negação de Direito à sobrevivência de outros... os separatistas-50-50 apenas reivindicam o Direito à Sobrevivência da sua Identidade!
    {nota: há que mobilizar os nativos... que... possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência}

    ResponderEliminar
  96. -> Parece que a ministra para a Integração do governo italiano, Cécile Kyenge, defende a legalização da poligamia: ver «a href="http://www.minutodigital.com/2013/05/10/cecile-kyenge-titular-del-ministerio-de-integracion-de-italia-pretende-legalizar-la-poligamia/">«aqui»«/a>.
    .
    -> Já disse isto montes de vezes... e... OTÁRIOS MILITANTES insistem em não querer ver:
    i) tal como acontece com muitos outros animais mamíferos, duma maneira geral, as fêmeas humanas são 'particularmente sensíveis' para com os machos mais fortes...
    ii) nas Sociedades Tradicionalmente Poligâmicas apenas os machos mais fortes é que possuem filhos;
    iii) no entanto, para conseguirem sobreviver, muitas sociedades tiveram necessidade de mobilizar/motivar os machos mais fracos no sentido de eles se interessarem/lutarem pela preservação da sua Identidade... de facto, analisando o Tabú-Sexo (nas Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas) chegamos à conclusão de que o verdadeiro objectivo do Tabú-Sexo era proceder à integração social dos machos sexualmente mais fracos; ver «a href="http://tabusexo.blogspot.com/">http://tabusexo.blogspot.com/«/a>.
    .
    .
    .
    P.S.1.
    É errado estar a dizer (como já alguém disse) «a Europa precisa de crianças, não de homossexuais!»... isto é, ou seja... a Europa precisa de pessoas (homossexuais e heterossexuais) com disponibilidade para criar crianças!!!
    .

    É UMA MUDANÇA ESTRUTURAL HISTÓRICA DA SOCIEDADE: os homens poderão ter filhos... sem repressão dos Direitos das mulheres... e independentemente de agradarem ou não às mulheres!... Leia-se: O ACESSO A 'BARRIGAS DE ALUGUER'...
    .
    Nota: Quando se fala em Direitos das crianças... há que ver o seguinte: muitas crianças (de boa saúde) hão-de querer ter a oportunidade de vir a ser pais... oportunidade essa que lhes é negada pela 'via normal'.
    .
    .
    P.S.2.
    Com o declínio do Tabú-Sexo (como seria de esperar) a percentagem de machos sem filhos aumentou imenso nas sociedades tradicionalmente monogâmicas.
    Em contraposição, os machos de maior sucesso passaram a ter filhos de sucessivos casamentos...
    .
    Mais, por um lado, muitas mulheres vão à procura de machos de maior competência sexual, nomeadamente, machos oriundos de sociedades tradicionalmente Poligâmicas [nestas sociedades apenas os machos mais fortes é que possuem filhos, logo, seleccionam e apuram a qualidade dos machos]... por outro lado, muitos machos das sociedades tradicionalmente Monogâmicas vão à procura de fêmeas Economicamente Fragilizadas [mais dóceis] oriundas de outras sociedades...
    .
    .
    P.S.3.
    ---> Sem 'corte' com os 'globalization-lovers' não há SOBREVIVÊNCIA!!!
    {leia-se, os 'globalization-lovers' que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa}
    ---> Concluindo: antes que seja tarde demais [nota: os 'parvinhos-à-Sérvia' - vide Kosovo - que fiquem na sua], há que mobilizar aqueles nativos europeus que possuem disponibilidade emocional para abraçar um projecto de Luta pela Sobrevivência... e... «a href="http://separatismo--50--50.blogspot.com/">SEPARATISMO-50-50!«/a>
    .
    Nota 1: Manifestações não-violentas (à Gandhi) por toda a Europa: «Pelo DIREITO À INDEPENDÊNCIA/SOBREVIVÊNCIA contra o NAZISMO-DEMOCRÁTICO».
    {obs 1: existem mais de 1200 milhões de chineses, etc, etc, etc… e… existem Nazis-Democráticos!... os Nazis-Democráticos insistem em acossar/perseguir qualquer meia-dezena de milhões de autóctones que defenda a sobrevivência da sua Nação/Pátria… leia-se: os Nazis-Democráticos pretendem determinar/negar democraticamente o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA de outros…}
    {obs 2: nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos (adoram evocar/inventar pretextos) com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!}

    .
    Nota 2: Se os autóctones europeus não estiverem dotados duma Coligação Defensiva (do tipo NATO)… os nazis made-in-USA aplicarão aos autóctones europeus o mesmo 'tratamento' que foi aplicado aos autóctones norte-americanos.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.